Busca avançada
Ano de início
Entree

ESTUDO DA INFLUÊNCIA DA COMPOSIÇÃO QUÍMICA NAS PROPRIEDADES DA BORRACHA NATURAL DOS NOVOS CLONES DE SERINGUEIRA RRIM 711, RRIM 926 e RRIM 937

Processo: 15/17081-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2015
Vigência (Término): 30 de setembro de 2017
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica - Materiais Não-metálicos
Pesquisador responsável:Luiz Henrique Capparelli Mattoso
Beneficiário:Maycon Jhony Silva
Instituição-sede: Embrapa Instrumentação Agropecuária. Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA). Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Brasil). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Propriedades físico-químicas   Borracha natural   Seringueira

Resumo

A borracha natural (BN) está presente em mais de 2500 espécies de plantas, sendo a Hevea brasiliensis a mais explorada comercialmente. É uma matéria-prima de grande importância para a economia brasileira, porém o país enfrenta um déficit na produção, tendo que importar cerca de 60% de seu consumo. Levando-se em consideração sua importância no mercado e que a produção mundial em poucos anos tem perspectivas de ser abaixo do consumo, surge a necessidade de pesquisa de variedades clonais de seringueira adaptadas a diferentes áreas. Visando o aumento da qualidade da borracha e da produção nacional, a Embrapa Instrumentação em parceria com o Instituto Agronômico (IAC) vêm desenvolvendo projetos para o melhoramento genético com a obtenção de novos clones de seringueira adaptados a diferentes regiões através da avaliação agronômica, e das propriedades tecnológicas, físico-químicas e térmicas da borracha produzida pelos novos clones. Diante deste cenário, este trabalho busca caracterizar quimicamente os novos clones RRIM 711, RRIM 926, RRIM 937 e o RRIM 600 (testemunha) e estudar a influência da composição química nas propriedades destes materiais, visando maior entendimento da relação estrutura/propriedade, e também contribuir para o programa de melhoramento genético da seringueira e recomendação ao plantio de novos clones. Dentro deste contexto as amostras serão caracterizadas através dos ensaios de: conteúdo de borracha seca (DRC) e sólidos totais no látex (TSC), distribuição do tamanho de partículas e potencial Zeta, espectroscopia na região do infravermelho (FTIR), ressonância magnética nuclear (RMN), análise elementar para determinação de macro e micro nutrientes por espectrometria de emissão ótica com plasma indutivamente acoplado (ICP OES), determinação do perfil lipídico por cromatografia, teor de extrato acetônico, teor de cinzas, teor de nitrogênio, determinação de proteínas por eletroforese. Serão realizados também ensaios de plasticidade Wallace (P0), índice de retenção de plasticidade (PRI), viscosidade Mooney (VR), termogravimetria (TG), calorimetria exploratória diferencial (DSC) e comportamento reológico para avaliar a influência da composição química nas propriedades dos clones estudados usando o método da análise de variância (ANOVA) e teste de Duncan.