Busca avançada
Ano de início
Entree

Olimpíadas Rio 2016: Arquitetura e Cidade Construídas

Processo: 15/24284-3
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Mestrado
Vigência (Início): 01 de abril de 2016
Vigência (Término): 31 de julho de 2016
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Arquitetura e Urbanismo - Fundamentos de Arquitetura e Urbanismo
Pesquisador responsável:Leandro Silva Medrano
Beneficiário:Renata Latuf de Oliveira Sanchez
Supervisor no Exterior: Stephen John Essex
Instituição-sede: Faculdade de Arquitetura e Urbanismo (FAU). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : Plymouth University, Inglaterra  
Vinculado à bolsa:15/05301-4 - Olimpíadas Rio 2016: cidade e arquitetura construídas, BP.MS
Assunto(s):Indústria cultural

Resumo

Os recentes megaeventos no Brasil (Copa do Mundo e Olimpíadas) mostraram o país como uma potência econômica ao mundo; no entanto, esses eventos não se mostraram totalmente vantajosos, em termos do legado que deixam nas cidades-sede. Lado a lado com o desejo de ser sede para eventos tão importantes internacionalmente, os brasileiros deparam-se com a dúvida a respeito de que futuro todos esses projetos estão ajudando a construir. A principal questão nessa pesquisa é que tipo de cidade os Jogos Olímpicos geram, através da análise de projetos arquitetônicos e urbanísticos. O período de pesquisa no exterior procura entender tendências atuais de planejamento urbano sustentável aplicadas em cidades europeias de maneira mais aprofundada (especialmente as cidades olímpicas), traçando um paralelo com os desenvolvimentos urbanos realizados para os Jogos de 2016. Essa pesquisa questiona se os projetos feitos no Rio de Janeiro buscam o desenvolvimento sustentável da cidade ou se buscam, antes, uma realidade momentânea, efêmera, que negligencia o principal legado urbano. Além disso, discute-se que tipo de relação entre a cidade e seus habitantes os Jogos de 2016 estão formando no Rio de Janeiro e tenta-se estabelecer relações sobre como cidades olímpicas europeias podem ser referência termos de seus recentes desenvolvimentos urbanos e arquitetônicos.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DE OLIVEIRA SANCHEZA, RENATA LATUF; ESSEX, STEPHEN. The challenge of urban design in securing post-event legacies of Olympic Parks. JOURNAL OF URBAN DESIGN, v. 23, n. 2, SI, p. 278-297, 2018. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.