Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos multi-escala da quantidade de habitat e heterogeneidade da paisagem sobre comunidade de abelhas

Processo: 15/06728-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2016
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia - Ecologia Aplicada
Pesquisador responsável:Carlos Alberto Garofalo
Beneficiário:Paula Carolina Montagnana
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):16/22175-5 - Efeitos multi-escala da quantidade de habitat e heterogeneidade da paisagem sobre comunidade de abelhas, BE.EP.DR
Assunto(s):Entomologia   Heterogeneidade   Ecologia da paisagem   Mata Atlântica

Resumo

A perda e a fragmentação de habitat são as principais ameaças à biodiversidade atualmente, sendo a primeira um processo que altera a composição da paisagem e a segunda a sua configuração. Sabendo que as distâncias média de voo para a maioria das espécies de abelhas, principalmente as espécies solitárias, não passam de algumas centenas de metros, é preciso que os recursos por elas requeridos sejam supridos dentro desse raio. Tais recursos incluem sítios de nidificação, sítios que forneçam materiais utilizados para a construção dos ninhos, sítios de forrageamento, entre outros requerimentos mais específicos. A disponibilidade de tais recursos é diretamente influenciada pela quantidade de habitat presente numa dada região, de forma que algumas predições teóricas sugerem que as comunidades ficam mais sensíveis a alterações no ambiente quando esse é composto por menos de 30% de habitat adequado as demandas do organismo. De forma que a teoria do 'limiar da fragmentação' não altera somente a riqueza de espécies de uma comunidade, mas também a sua composição, podendo comprometer a eficiência de alguns serviços ecossistêmicos. Análises e observações realizadas em uma única escala espacial conseguem capturar os padrões e processos que influenciam a biodiversidade nessa escala, sendo arriscado extrapolar tais resultados para escalas maiores; por isso, a análise de paisagens em multi-escala permite conhecer quais fatores influenciam a biodiversidade em diferentes escalas espaciais. Assim o presente projeto possui como objetivo principal analisar quais os efeitos aninhado (escala fina e escala regional) da porcentagem de vegetação nativa e a heterogeneidade da paisagem sobre a comunidade de abelhas que nidificam em cavidades preexistentes na região do Continuum Cantareira-Mantiqueira.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.