Busca avançada
Ano de início
Entree

Papel dos quimiorreceptores carotídeos nas respostas hemodinâmicas e ventilatórias à estimulação elétrica do seio carotídeo, e efeitos da sua inibição crônica no desenvolvimento da hipertensão arterial em ratos com hipertensão espontânea (SHR)

Processo: 15/18511-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2016
Vigência (Término): 31 de março de 2018
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia de Órgãos e Sistemas
Pesquisador responsável:Helio Cesar Salgado
Beneficiário:Pedro Lourenço Katayama
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/20549-7 - Avanços na regulação cardiocirculatória em condições fisiológica e fisiopatológica, AP.TEM
Bolsa(s) vinculada(s):16/02184-0 - Receptores P2X3 no Corpúsculo Carotídeo como alvo terapêutico na hipertensão arterial: uma perspectiva translacional, BE.EP.DD
Assunto(s):Fisiologia cardiovascular   Sistema nervoso autônomo   Seio carotídeo   Células quimiorreceptoras   Receptores purinérgicos P2X3   Hipertensão   Barorreflexo   Ratos

Resumo

O papel dos quimiorreceptores carotídeos no contexto das doenças cardiovasculares tem sido bastante explorado. Em estudo recém-publicado (Hypertension 66: 598-603, 2015) o nosso laboratório demonstrou que os quimiorreceptores carotídeos atenuam a resposta hipotensora à estimulação elétrica do seio/nervo carotídeo em ratos acordados. Embora estudo clínico recente tenha sugerido que a estimulação elétrica do seio carotídeo em pacientes não leva à ativação dos quimiorreceptores carotídeos, pela ausência de alterações ventilatórias, os mecanismos envolvidos nessa abordagem terapêutica requerem investigações mais pormenorizadas. Portanto, a primeira parte do presente projeto tem como objetivo aprofundar a compreensão destes mecanismos, propondo investigar as respostas ventilatórias à estimulação elétrica do seio/nervo carotídeo em ratos acordados. Além disso, evidências recentes têm demonstrado que os quimiorreceptores carotídeos contribuem de maneira significativa para a simpato-excitação na hipertensão arterial. Assim, os quimiorreceptores carotídeos emergem como novo alvo terapêutico no tratamento desta patologia. Pesquisadores da Universidade de Bristol demonstraram que a inibição farmacológica aguda dos quimiorreceptores carotídeos reduziu a pressão arterial de ratos espontaneamente hipertensos (SHR). Portanto, está sendo proposta a colaboração com estes pesquisadores com o objetivo de investigar os efeitos da inibição farmacológica crônica dos quimiorreceptores carotídeos no desenvolvimento e na manutenção da hipertensão arterial em SHR. Para tanto, ratos normotensos e SHR serão tratados, cronicamente, com novo antagonista seletivo da subunidade P2X3 de receptores purinérgicos (AF-130). Os receptores P2X3 estão envolvidos no processo de transdução química que ocorre nos quimiorreceptores carotídeos. Ao longo do tratamento, serão mensurados não somente parâmetros hemodinâmicos, como, também, a atividade do nervo simpático renal. Posteriormente, os animais serão submetidos à ablação dos quimiorreceptores carotídeos para se verificar o quanto os efeitos do tratamento sobre os parâmetros hemodinâmicos, e a atividade do nervo simpático renal dependem da mediação dos quimiorreceptores carotídeos. Serão utilizadas, ainda, técnicas de western blot e imunohistoquímica aplicadas ao corpúsculo carotídeo e gânglio petroso de ratos normotensos e SHR, e, também, de pacientes normotensos e hipertensos essenciais. Estes protocolos têm a finalidade de se examinar a expressão, e a localização das subunidades P2X3 de receptores purinérgicos. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CASTANIA, JACI A.; KATAYAMA, PEDRO L.; BROGNARA, FERNANDA; MORAES, DAVI J. A.; SABINO, JOAO PAULO J.; SALGADO, HELIO C. Selective denervation of the aortic and carotid baroreceptors in rats. Experimental Physiology, v. 104, n. 9, p. 1335-1342, SEP 2019. Citações Web of Science: 0.
KATAYAMA, PEDRO L.; CASTANIA, JACI A.; FAZAN JR, RUBENS; SALGADO, HELIO C. Interaction between baroreflex and chemoreflex in the cardiorespiratory responses to stimulation of the carotid sinus/nerve in conscious rats. AUTONOMIC NEUROSCIENCE-BASIC & CLINICAL, v. 216, p. 17-24, JAN 2019. Citações Web of Science: 0.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
KATAYAMA, Pedro Lourenço. Papel dos quimiorreceptores carotídeos nas respostas hemodinâmicas e respiratórias à estimulação elétrica do seio carotídeo/nervo do seio carotídeo. 2018. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto Ribeirão Preto.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.