Busca avançada
Ano de início
Entree

Expertise em meio biótico e empreendimentos hidrelétricos: avaliações e mitigações de impactos na bacia do rio Juruena, Mato Grosso

Processo: 15/17349-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2016
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Antropologia
Pesquisador responsável:Anna Catarina Morawska Vianna
Beneficiário:Ana Cecília Oliveira Campos
Instituição-sede: Centro de Educação e Ciências Humanas (CECH). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil

Resumo

O projeto objetiva etnografar técnicas na avaliação de impactos ambientais e medidas mitigadoras para meio biótico, considerando a inscrição das mesmas em documentos que integram o Licenciamento Ambiental de empreendimentos hidrelétricos no Eixo de Energia do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) na Bacia do Rio Juruena, Mato Grosso. Para a elaboração desses documentos que fazem parte do licenciamento ambiental a expertise acionada é a das ciências biológicas, responsáveis por calcular tanto os impactos que o empreendimento ocasionará (nas avaliações de impacto) quanto o modo de minimizá-los (nas medidas mitigadoras). Uma interpelação antropológica a essas inscrições leva às perguntas centrais dessa pesquisa: Quais técnicas envolvem a seleção e mobilização de fauna e flora que aparecem nas avaliações de impacto ambiental do meio biótico? Como são calculados os impactos ambientais (as técnicas que determinam e quantificam alterações)? Como são calculadas/compatibilizadas as mitigações pelos impactos que o empreendimento gera na fauna e flora? Trata-se de pensar como técnicas são mobilizadas para a produção de um meio biótico em espaços de interesse de empreendimentos hidrelétricos, um contexto particular de inscrição de dados, no qual a produção dos mesmos é vinculada não só aos procedimentos tecnicocientíficos, mas também aos legais e administrativos.