Busca avançada
Ano de início
Entree

Andarilhos de estrada e questões de gênero

Processo: 15/22324-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2016
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Psicologia - Psicologia Social
Pesquisador responsável:José Sterza Justo
Beneficiário:Júlia Esteves Bicalho de Almeida
Instituição-sede: Faculdade de Ciências e Letras (FCL-ASSIS). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Assis. Assis , SP, Brasil
Assunto(s):Mulheres   Marginalidade social   Estudos de gênero

Resumo

O presente projeto de pesquisa é uma continuação dos estudos sobre andarilhos e trecheiros realizados, em sua maior parte, pelo Prof. Dr. José Sterza Justo. Da mesma forma como foi feito nas pesquisas anteriores sobre o tema, este estudo pretende abordar a realidade dos andarilhos de estrada como um espelho radical dos modos de subjetivação calcados nas condições atuais de intensa mobilidade decorrentes da compressão tempo-espaço, porém, dessa vez, focalizando a questão da baixa presença feminina no "trecho" bem como os aspectos existenciais e as vivências das poucas mulheres que habitam esse não-lugar. Serão realizadas entrevistas com homens e mulheres andarilhos(as) no acostamento da rodovia Raposo Tavares, nas proximidades de um posto da policia rodoviária instalado no contorno da cidade de Assis (SP). A entrevista abordará o modo de vida das mulheres que vivem "no trecho". Com essa pesquisa será possível adentrar o universo de uma população praticamente desconhecida e também discutir questões de gênero relacionadas especificamente às diferenças de mobilidade geográfica e psicossocial entre homens e mulheres.