Busca avançada
Ano de início
Entree

Permanência, prudência e virtu em O Príncipe de Maquiavel

Processo: 15/24909-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2016
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Filosofia - História da Filosofia
Pesquisador responsável:Yara Adario Frateschi
Beneficiário:Otávio Vasconcelos Vieira
Instituição-sede: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Costumes   Poder político

Resumo

Este projeto apresenta um estudo sobre a função e a caracterização do conceito de virtù em O Príncipe de Maquiavel. A partir da análise dos capítulos I ao VII e do capítulo XXV, mostramos que a virtù exerce a função de qualificar a ação política favorável à manutenção dos principados. Maquiavel, examinando a efetividade dos modos de ação para a manutenção do principado, expõe a virtù como um modo de ação possível e desejável, e que mostra sua efetividade em determinados contextos. Distintamente da prudência, eficaz num contexto onde os costumes estabelecidos corroboram a manutenção do principado, a virtù é efetiva contra a fortuna e sua instabilidade característica. Assim, adequando-se às condições extraordinárias da fortuna, a virtù se expressa no comportamento audacioso e impetuoso. Nossa investigação se divide em três etapas. [1] Mostraremos que a discussão sobre a manutenção do principado implica um exame dos modos de ação política e dos contextos destes modos de ação. [2] Então, mostraremos que a esta discussão considera as dificuldades específicas de diferentes condições políticas e os modos de ação adequados para suplantá-las. As dificuldades aumentam quando entram em conflito os costumes estabelecidos e a segurança do príncipe. Assim, dois modos de ação são considerados: a prudência, quando os costumes estabelecidos corroboram o poder do príncipe e devem ser preservados, e a virtù, quando os costumes estabelecidos ameaçam o poder do príncipe, e devem ser confrontados. [3] Tendo localizado o conceito de virtù, buscaremos mostrar como ele se caracteriza e se expressa nos capítulos analisados e sua relação com a noção de fortuna.