Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da vulnerabilidade à erosão costeira em Guarujá, SP

Processo: 15/25510-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2016
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Oceanografia - Oceanografia Geológica
Pesquisador responsável:Eduardo Siegle
Beneficiário:Talia Santos de Andrade
Instituição-sede: Instituto Oceanográfico (IO). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Erosão marinha   Vulnerabilidade   Praias   Sedimentologia marinha   Análise quantitativa   Modelos hidrodinâmicos   Guarujá (SP)

Resumo

A erosão costeira apresenta diversas causas, naturais ou antrópicas ou a partir de efeitos combinados de ambas. Seus impactos se traduzem em prejuízos socioeconômicos e ambientais de grande magnitude. Recentemente, diversas metodologias para o estudo de vulnerabilidade à erosão costeira têm sido desenvolvidas e aplicadas. A área de estudo para a presente aplicação é em Guarujá, litoral do estado de São Paulo, onde será avaliada a vulnerabilidade de cinco praias. O método quantitativo abordado leva em consideração principalmente os processos hidrodinâmicos e sedimentológicos que contribuem para a evolução da praia. Esperamos, com esse estudo, contribuir para o conhecimento da morfodinâmica da região e fornecer subsídios para diferentes ações do gerenciamento costeiro.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DE ANDRADE, TALIA SANTOS; GOMES DE OLIVEIRA SOUSA, PAULO HENRIQUE; SIEGLE, EDUARDO. Vulnerability to beach erosion based on a coastal processes approach. APPLIED GEOGRAPHY, v. 102, p. 12-19, JAN 2019. Citações Web of Science: 2.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.