Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos do treinamento físico aeróbio nas alterações pulmonares induzidas por diferentes produtos da poluição atmosférica

Processo: 15/18821-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2016
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2017
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina
Pesquisador responsável:Gustavo Silveira Graudenz
Beneficiário:Guilherme Cristianini Baldivia
Instituição-sede: Universidade Nove de Julho (UNINOVE). Campus Vergueiro. São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:12/15165-2 - Papel da sinalização purinérgica e da sinalização SOCS-JAK-STAT nos efeitos antiinflamatórios do treinamento aeróbio em modelos experimentais de asma e em indivíduos asmáticos, AP.JP
Assunto(s):Citocinas   Pneumologia   Exercício físico   Material particulado   Remodelação das vias aéreas

Resumo

A atividade física é capaz de modular a resposta inflamatória mostrando efeitos protetores tanto em estudos em modelos animais quanto em estudos clínicos com humanos. A exposição crônica ao material particulado atmosférico é capaz de gerar respostas inflamatórias agudas e crônicas resultando em liberação de citocinas e hormônios capazes de recrutar células inflamatórias na fase aguda e induzir ao remodelamento da árvore respiratória na fase crônica. Pouco se sabe sobre a capacidade da atividade física regular de atenuar o processo inflamatório agudo no sistema respiratório e menos sobre sua interferência na inflamação pulmonar crônica levando ao remodelamento da árvore respiratória. Objetivo: Verificar a interferência da atividade física regular na inflamação pulmonar crônica induzida por instilação de material particulado em modelos animais. Métodos: camundongos machos serão submetidos a cinco semanas de treinamento aeróbio em esteira, acompanhado de inalação semanal de material particulado (MP) de dois diâmetros diferentes (MP2,5 e MP10) comparados à controles somente com treinamento ou somente com instilação de material particulado. Serão realizadas comparações de citocinas inflamatórias pulmonares e séricas e alterações histológicas em todos os grupos. Resultados esperados: Espera-se com este estudo identificar se a atividade física regular é capaz de modular as alterações decorrentes da exposição crônica ao material particulado atmosférico. Esperamos ainda identificar quais as citocinas inflamatórias envolvidas no processo, bem como verificar a interferência no processo de remodelamento brônquico decorrente da exposição a diferentes tamanhos de material particulado. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SILVA-RENNO, ADRIANO; BALDIVIA, GUILHERME CRISITANINI; OLIVEIRA-JUNIOR, MANOEL C.; RODRIGUES BRANDAO-RANGEL, MAYSA ALVES; EL-MAFARJEH, ELIAS; DOLHNIKOFF, MARISA; MAUAD, THAIS; BRITTO, JOSE MARA; NASCIMENTO SALDIVA, PAULO HILARIO; FRANCO OLIVEIRA, LUIS VICENTE; LIGEIRO-OLIVEIRA, ANA P.; GRAUDENZ, GUSTAVO SILVEIRA; VIEIRA, RODOLFO PAULA. Exercise Performed Concomitantly with Particulate Matter Exposure Inhibits Lung Injury. INTERNATIONAL JOURNAL OF SPORTS MEDICINE, v. 39, n. 2, p. 133-140, FEB 2018. Citações Web of Science: 2.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.