Busca avançada
Ano de início
Entree

Predição de explosões solares por meio de séries temporais de fluxo de raio-X via redes neurais MLP

Processo: 15/25568-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2016
Vigência (Término): 28 de janeiro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Ciência da Computação - Sistemas de Computação
Pesquisador responsável:Ana Estela Antunes da Silva
Beneficiário:Ismael Caldana
Instituição-sede: Faculdade de Tecnologia (FT). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Limeira , SP, Brasil
Assunto(s):Mineração de dados   Erupção solar

Resumo

Erupções solares são explosões na superfície do Sol causadas por mudanças repentinas no campo magnético da sua superfície. Uma explosão acontece quando os campos magnéticos de polaridades diferentes em torno do Sol se aproximam e criam arcos magnéticos. Explosões solares são classificadas de acordo com a sua potência. Suas consequências podem afetar a órbita de satélites, causar interrupções na distribuição de energia na malha elétrica, distúrbios nas ondas de rádio e em sistemas de navegação, entre outros. Dessa forma, é importante a previsão de ocorrência e intensidade de explosões solares. O fluxo de raio-X é, normalmente, parte do conjunto de parâmetros de entrada de algoritmos de aprendizado de máquina de classificação de explosões solares , assim como, classificação de ocorrência e não ocorrência de uma explosão solar e predição de explosões solares. O presente projeto dá continuidade a um projeto de iniciação científica do grupo de pesquisa HighPIDS, que utilizou valores de emissões de raio-X em uma rede neural artificial do tipo MLP para predição de picos de fluxos de raio-X. Os resultados foram promissores com a MLP resultando em baixo erro de predição para predição do fluxo de raio-X no próximo minuto. O presente trabalho tem como principais objetivos: 1) melhorar o horizonte de predição da MLP de acordo com novos experimentos a serem realizados; 2) criar uma interface de disparo de avisos de picos de ocorrência de fluxos de raios-x, indicativo de possibilidade de ocorrência de explosões solares. O trabalho ora proposto tem como inovação a verificação do fluxo de raio-X como um parâmetro confiável de predição de explosões solares de forma isolada, o que possibilitaria a incorporação de novos parâmetros de forma gradativa à predição.