Busca avançada
Ano de início
Entree

Funcionamento do TaALMT1 frente a variação de pH

Processo: 16/00747-7
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2016
Vigência (Término): 30 de novembro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitotecnia
Pesquisador responsável:Gustavo Habermann
Beneficiário:Carolina de Marchi Santiago da Silva
Supervisor no Exterior: Peter Richard Ryan
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro , SP, Brasil
Local de pesquisa : CSIRO Agriculture, Austrália  
Vinculado à bolsa:13/11370-3 - Expressão gênica em mecanismos de tolerância ao Al3+ comparando espécie do cerrado (Qualea grandiflora) e limoeiro (Citrus limonia cv. 'Cravo'), BP.DR
Assunto(s):Trigo

Resumo

Em condições ácidas , o efluxo malato ocorre pelo canal TaALMT1 induzido por alumínio (Al) em trigo (Triticum aestivum L.) . Quando Al é quelado com ácidos orgânicos, as raízes podem crescer normalmente, conferindo assim grandes rendimentos. Estudos recentes sugerem que o grande rendimento em uma linhagem de trigo tolerante ao Al pode ser alcançado também em condições alcalinas pelo mesmo mecanismo exsudação de ácidos orgânicos (via canal ALMT). Considerando estes pontos de vista opostos sobre o TaALMT1, o objetivo deste estudo é avaliar o funcionamento deste canal quantificando o efluxo malato em ápices radiculares de plântulas de trigo cultivadas sob diferentes pHs (intervalo de 5 a 9 ) em solo e em solução nutritiva. (AU)