Busca avançada
Ano de início
Entree

Identificação de interações soma-linhagem germinativa que possam afetar a longevidade em Caenorhabditis elegans

Processo: 16/02207-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Mestrado
Vigência (Início): 28 de abril de 2016
Vigência (Término): 27 de junho de 2016
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Biologia Molecular
Pesquisador responsável:Marcelo Alves da Silva Mori
Beneficiário:Evandro Araújo de Souza
Supervisor no Exterior: Adam Antebi
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : Max Planck Society, Dresden, Alemanha  
Vinculado à bolsa:14/10814-8 - Determinação de fatores que controlam a expressão de Dicer in vivo em C. elegans, BP.MS
Assunto(s):Envelhecimento   Interferência de RNA   Nematoides   MicroRNAs

Resumo

C. elegans é um modelo amplamente usado como modelo para estudo do envelhecimento por conta de sua curta longevidade e presença de genes conservados que podem ser facilmente silenciados através da alimentação dos vermes com bactérias contendo RNAs dupla-fita específicos. Vermes carregando uma mutação que leva à perda de função do gene glp-1, não desenvolvem a linhagem germinativa, e por isso, são longevos; um fenômeno diretamente associado à localização nuclear do fator de transcrição DAF-16/FOXO em células somáticas. Quando usamos RNAi por alimentação para identificar genes que interagiam com este fenótipo, identificamos surpreendentemente, que nosso vetor controle L4440, bloqueava a translocação de DAF-16 no intestino do mutante glp-1. Isso não foi observado no verme selvagem após estresse térmico - intervenção que também leva à translocação de DAF-16. Os efeitos do L4440 são dependentes da produção intrínseca de RNA dupla-fita, e não ao esqueleto do verme, já que a remoção do multiple cloning site (MCS) ou dos promotores T7 reverteram o fenótipo de DAF-16. A ativação da via de RNAi não foi suficiente para explicar o efeito do L4440, visto que observador localização nuclear de DAF-16 nos mutantes glp-1, quando foram tratados com RNAi contra genes endógenos (pos-1 ou lin-1). Para confirmar se o RNA de dupla-fita expresso pela região MCS está inibindo a localização nuclear de DAF-16 no mutante glp-1, nós pretendemos injetar diretamente esse fragmento nos vermes. Adicionalmente, nós queremos testar se esse fenômeno ocorre em outro modelo de ausência de linha germinativa usando laser para eliminar células precursoras da linhagem germinativa. Resumidamente, nossos resultados sugerem que o RNA dupla-fita exógeno produzido pelo L4440 inibe a translocação de DAF-16 em animais sem linhagem germinativa. Consequentemente, os resultados desse projeto são uma nota de precaução para o uso irrestrito do vetor L4440 em experimentos de RNAi em C. elegans. Além disso, poderia fornecer informações sobre como a via de RNAi afeta a longevidade.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DE-SOUZA, EVANDRO A.; CAMARA, HENRIQUE; SALGUEIRO, WILLIAN G.; MORO, RAISSA P.; KNITTEL, THIAGO L.; TONON, GUILHERME; PINTO, SILAS; PINCA, ANA PAULA F.; ANTEBI, ADAM; PASQUINELLI, AMY E.; MASSIRER, KATLIN B.; MORI, MARCELO A. RNA interference may result in unexpected phenotypes in Caenorhabditis elegans. Nucleic Acids Research, v. 47, n. 8, p. 3957-3969, MAY 7 2019. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.