Busca avançada
Ano de início
Entree

Fabricação e caracterização de dispositivos eletroluminescentes produzidos com compósitos

Processo: 15/25069-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2016
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Física - Física da Matéria Condensada
Pesquisador responsável:Giovani Fornereto Gozzi
Beneficiário:Flávio Henrique Feres
Instituição-sede: Instituto de Geociências e Ciências Exatas (IGCE). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro , SP, Brasil
Assunto(s):Polímeros (materiais)   Materiais isolantes   Eletroluminescência   LED

Resumo

Materiais poliméricos até o final da década de 1970 eram explorados, em função de suas propriedades elétricas, como isolantes elétricos. A partir da descoberta da alta condutividade em poliacetileno dopado com iodo, os materiais poliméricos passaram a ser considerados para a produção de componentes eletrônicos e opto-eletrônicos. A principal vantagem destes materiais em relação aos semicondutores inorgânicos está atrelada a sua solubilidade, que possibilita o processamento de dispositivos por técnicas relativamente simples e com baixo custo, como técnicas de impressão gráfica. No campo dos dispositivos eletroluminescentes, no final da década de 1980, foi fabricado o primeiro diodo emissor de luz com um semicondutor polimérico. No ano de 2007 foi fabricado o primeiro dispositivo eletroluminescente empregando um compósito orgânico/inorgânico, produzido com micro-partículas inorgânicas emissoras de luz e com um polímero semicondutor dopado. Dentre os dispositivos eletroluminescentes produzidos com materiais solúveis, os produzidos com compósito orgânico/inorgânico são os que atualmente têm sido explorados comercialmente. Como principal aplicação destes dispositivos pode-se mencionar os sistemas de iluminação e para comunicação visual. Embora os compósitos para a fabricação de dispositivos, assim como os dispositivos já sejam comercializados, as propriedades físicas destes materiais e os mecanismos de operação destes dispositivos, foram muito pouco explorados do ponto de vista científico. Neste contexto o presente projeto tem como objetivo geral o estudo dos mecanismos de operação dos dispositivos eletroluminescentes produzidos com compósitos, com foco no mecanismo de eletroluminescência do material ativo, o qual se encontra inexplorado na literatura científica.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
COLUCCI, RENAN; QUADROS, MATHEUS HENRIQUE; FERES, FLAVIO HENRIQUE; MAIA, FRANCISCO BARBOSA; DE VICENTE, FABIO SIMOES; FARIA, GREGORIO COUTO; SANTOS, LUCAS FUGIKAWA; GOZZI, GIOVANI. Cross-linked PEDOT: PSS as an alternative for low-cost solution-processed electronic devices. Synthetic Metals, v. 241, p. 47-53, JUL 2018. Citações Web of Science: 8.
FERES, FLAVIO H.; SANTOS, LUCAS FUGIKAWA; GOZZI, GIOVANI. Temperature and Electric Field Influence on the Electrical Properties of Light-Emitting Devices Comprising PEDOT:PSS/GPTMS/Zn2SIO4:Mn Composites. MRS ADVANCES, v. 3, n. 33, p. 1883-1889, 2018. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.