Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação histomorfométrica e biomarcadores de estresse oxidativo em órgãos reprodutores de ratos machos expostos a doses supra fisiológicas de manganês

Processo: 15/26456-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2016
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia - Citologia e Biologia Celular
Pesquisador responsável:Juliana Elaine Perobelli
Beneficiário:Marcella da Silva Araujo Santiago
Instituição-sede: Instituto de Saúde e Sociedade (ISS). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus Baixada Santista. Santos , SP, Brasil
Assunto(s):Toxicologia   Estresse oxidativo   Biomarcadores   Catalase   Peroxidação de lipídeos   Manganês   Histomorfometria   Modelos animais de doenças

Resumo

O manganês (Mn) é um dos elementos químicos mais encontrados na Terra, ocorrendo principalmente na forma de pirolusita (MnO2). É utilizado na indústria química, na fabricação de permanganato de potássio e hidroquinona, de fertilizantes e ração de animais, tintas, resistências elétricas, fogos de artifício, dentre outros. Sua conversão em sais solúveis contribui para a contaminação de rios e mares, podendo ser encontrado em forma de nódulos nos oceanos. Quando administrado em pequenas quantidades é um metal considerado essencial para a fisiologia dos mamíferos. As principais fontes de intoxicação por Mn são a mineração e a indústria siderúrgica. Nos últimos anos, interesses sobre os efeitos de baixas doses de Manganês, às quais a população geral estaria exposta através da ingestão de alimento e água contaminada, têm sido crescentes. Ainda que o cérebro seja um dos principais tecidos alvo à exposição ao Mn, no presente projeto de pesquisa pretende-se investigar possíveis efeitos reprodutivos gerados pela exposição a níveis supra fisiológicos de Mn, tema ainda pouco explorado e de grande importância no cenário brasileiro atual. Sabe-se que o acúmulo de manganês pode causar efeitos sobre a qualidade do sêmen (diminuição da motilidade espermática) e capacidade fértil de animais, além de alterações morfométricas em órgãos reprodutores. Frente ao exposto, o objetivo deste estudo será avaliar os riscos da exposição a níveis supra fisiológicos de Mn sobre parâmetros histomorfométricos de testículo e epidídimo de ratos adultos, juntamente com o estudo de biomarcadores de estresse oxidativo nestes tecidos, analisando a atividade da catalase e peroxidação lipídica.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
GOMES SILVA, ANA PRISCILA; ARAUJO SANTIAGO, MARCELLA DA SILVA; MARANHO, LUCIANE ALVES; DE OLIVEIRA, RODOLPHO PEREIRA; JARDIM CONSTANTINO, DULCE HELENA; SEABRA PEREIRA, CAMILO DIAS; BARBOSA DA SILVA, REGINA CLAUDIA; PEROBELLI, JULIANA ELAINE. Could male reproductive system be the main target of subchronic exposure to manganese in adult animals?. Toxicology, v. 409, p. 1-12, NOV 1 2018. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.