Busca avançada
Ano de início
Entree

Obtenção de celulose nanofibrilada de bambu e seu potencial como reforço para matrizes frágeis

Processo: 15/21079-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2016
Vigência (Término): 31 de agosto de 2019
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Civil - Construção Civil
Pesquisador responsável:Holmer Savastano Junior
Beneficiário:Viviane da Costa Correia
Instituição-sede: Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos (FZEA). Universidade de São Paulo (USP). Pirassununga , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:12/51467-3 - Agroindustrial wastes and their potential use as appropriate materials for housing and infraestructure (Agrowaste), AP.TEM
Bolsa(s) vinculada(s):18/00519-0 - Performance e durabilidade de compósitos cimentícios híbridos reforçados com fibras vegetais nas escalas micro e nanométrica, BE.EP.PD
Assunto(s):Asbestos   Durabilidade

Resumo

A celulose nanofibrilada provém de um recurso natural, abundante e renovável; possui superfície específica elevada, o que contribui para melhorar a adesão entre as partículas de cimento. A utilização de nanoreforços em materiais cimentícios ainda não está consagrada e na literatura existem divergências a cerca do teor ideal de nanoreforços para que as propriedades mecânicas dos compósitos cimentícios sejam melhoradas. Os fatores como método de produção, relação água/cimento, teor de reforço e processo de cura influenciam muito nas propriedades finais dos compósitos cimentícios. Com isso, objetivo da proposta é produzir celulose nanofibrilada a partir da polpa organossolve de bambu e realizar um estudo em diversas etapas para o aperfeiçoamento do compósito cimentício reforçado com essa celulose nanofibrilada, de modo a adequar o processo produtivo por sucção e prensagem; além disso, estudar diferentes teores de celulose nanofibrilada, definindo o teor ideal de nanoreforço para que estes atuem na alteração do processo de fissuração e controle da abertura das fissuras; e verificar o seu efeito nas propriedades físicas, mecânicas, microestruturais e na durabilidade dos compósitos. A celulose nanofibrilada será produzida a partir de polpa organossolve de bambu, pelo processo grinding e será incorporada à matriz cimentícia em diferentes teores. Os compósitos serão submetidos aos testes físicos e mecânicos para estudo da resistência à flexão e ao teste de tração direta para análise da multifissuração. Mediante a utilização de celulose nanofibrilada como nanoreforços espera-se produzir compósitos multifissurados com elevada tenacidade e resistência à flexão para utilização como elemento de cobertura e como painel de vedação.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CORREIA, VIVIANE DA COSTA; SANTOS, SERGIO FRANCISCO; TEIXEIRA, RONALDO SOARES; SAVASTANO JUNIOR, HOLMER. Nanofibrillated cellulose and cellulosic pulp for reinforcement of the extruded cement based materials. CONSTRUCTION AND BUILDING MATERIALS, v. 160, p. 376-384, JAN 30 2018. Citações Web of Science: 6.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.