Busca avançada
Ano de início
Entree

Pós-graduandos no programa pequeno cientista: caracterização e organização de dados

Processo: 16/02459-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de abril de 2016
Vigência (Término): 31 de março de 2017
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Educação
Pesquisador responsável:Dimas Tadeu Covas
Beneficiário:Fernando Rossi Trigo
Instituição-sede: Hemocentro de Ribeirão Preto. Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da USP (HCMRP). Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/08135-2 - CTC - Centro de Terapia Celular, AP.CEPID
Assunto(s):Banco de dados

Resumo

A Casa da Ciência do Hemocentro de Ribeirão Preto (CASA) teve início e cresceu dentro de um grande projeto Cepid, o Centro de Terapia Celular/CTC - processo n. 2013/08.135-2, com o compromisso de aproximar pesquisadores e escolas através de programas educacionais que preveem a divulgação dos resultados em diferentes formatos (impressos e digitais).Com o Adote um Cientista, programa iniciado em 2005, a CASA planeja, executa e avalia atividades desenvolvidas por pesquisadores. Estabeleceu parcerias com professores do ensino básico, resultando na participação regular de jovens, que frequentam encontros semanais durante o ano.Em 2012, derivado do Adote, foi proposto o programa Pequeno Cientista, em que grupos de jovens do Adote desenvolvem projetos de iniciação cientifica sob orientação de pesquisadores (maioria pós-graduandos) em encontros semanais, nas dependências do Hemocentro e laboratórios no campus de Ribeirão Preto (USP-RP). Nestes três anos, o Pequeno Cientista proporcionou aos jovens 62 projetos de investigação, com diferentes temáticas e participação de mais de 170 pesquisadores, pós-graduandos e graduandos. A partir de depoimentos destes orientadores, a equipe da CASA tem verificado a contribuição do Adote e Pequeno na formação dos participantes, em especial de pós-graduandos, que dizem "ter a oportunidade de exercer a orientação em atividade de ensino", que inclui o exercício de construção de um plano de investigação/orientação na área de pesquisa que atua. Para auxiliar no acompanhamento e avaliação dos resultados, a CASA dispõe de um Banco de Dados (BD) que reúne informações dos 10 anos do Adote um Cientista - com dados dos alunos, professores e pesquisadores participantes. Esta organização tem contribuído para a localização e contato dos alunos egressos do Adote, alguns com trajetória escolar de sucesso creditada na sua participação nos programas da CASA.Neste trabalho é proposta a extensão da organização dos dados para os pós-graduandos do Pequeno Cientista, que pode colaborar na verificação da influência da participação no programa da CASA sobre sua formação, considerando o exercício de orientação.