Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização de tumor mamário canino (carcinoma tubular) com ênfase na matriz extracelular

Processo: 15/25815-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de abril de 2016
Vigência (Término): 31 de março de 2017
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Patologia Animal
Pesquisador responsável:Phelipe Oliveira Favaron
Beneficiário:Marcella Giancoli Kato Cano da Silva
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Oncologia   Neoplasias   Carcinoma   Matriz extracelular   Modelos animais   Proliferação celular

Resumo

A ocorrência de neoplasias mamárias em cadelas tem aumentado significativamente nos últimos anos, o que faz com que novos estudos se façam necessários para o entendimento dos eventos morfológicos e fisiológicos que levam ao desenvolvimento/crescimento tumoral e alterações teciduais, contribuindo para a elucidação de novos tratamentos. Além disso, muitas semelhanças relacionadas ao processo biológico de desenvolvimento deste tipo de tumor são comuns entre cadelas e para o ser humano, servindo a cadela deste modo, como um interessante modelo experimental. No entanto, a literatura mostra que os tumores variam muito de acordo com o seu grau de malignidade, logo necessitam de uma caracterização e identificação específica e detalhada. As classificações devem ser feitas com base nas análises histopatológicas, onde são diferenciados os tipos tubular, papilar e sólido para os carcinomas, de acordo com o tipo celular e arranjo tecidual. Uma vez que a literatura especializada ainda hoje é bastante escassa sobre este tipo de análise, este projeto tem como objetivo caracterizar tumores de mama (carcinoma tubular) em cadelas, baseando-se em analises histopatológicas, e também em análises imunohistoquímicas (expressão de marcadores envolvidos com transição epitélio-mesenquimal, ciclo celular, fator de crescimento e receptores hormonais). Além disso, especial atenção será dada as alterações estruturais da matriz extracelular dos tumores, bem como na sua composição colágena. As análises serão realizadas também em amostras de glândula mamária sadia, a fim de obter-se parâmetros que possam ser comparados com os resultados obtidos com os tumores, bem como elucidar as alterações que ocorrem durante a carcinogênese. Os resultados deste projeto poderão contribuir significativamente para o conhecimento acerca das características fenotípicas do carcinoma tubular em cadelas no que diz respeito a expressão de marcadores, bem como de receptores de estrógeno e progesterona, além do conhecimento a cerca das alterações que ocorrem na matriz extracelular durante o desenvolvimento tumoral.