Busca avançada
Ano de início
Entree

Identificação de variáveis associadas à estrutura de grafos e aplicações em neurociência

Processo: 15/21162-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2016
Vigência (Término): 31 de agosto de 2019
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Ciência da Computação - Metodologia e Técnicas da Computação
Pesquisador responsável:André Fujita
Beneficiário:Suzana de Siqueira Santos
Instituição-sede: Instituto de Matemática e Estatística (IME). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):17/12074-0 - Comportamento assintótico de estimadores de parâmetros e estatísticas de teste para grafos, BE.EP.DR
Assunto(s):Redes complexas   Grafos aleatórios   Neurociências   Corpo caloso   Conectividade cerebral

Resumo

O corpo caloso é a maior estrutura de matéria branca do cérebro humano. Uma das suas funções é facilitar a interação entre os hemisférios esquerdo e direito. Anormalidades na morfologia do corpo caloso já foram reportadas em diversos transtornos neuropsiquiátricos, como esquizofrenia, transtorno do espectro autista, transtorno de déficit de atenção e hiperatividade, síndrome da mão alheia, transtornos de personalidade e transtorno bipolar do humor. Contudo, a função do corpo caloso e a sua contribuição para cognição ainda é tema de debate. Assim, encontrar associações entre a morfologia do corpo caloso e a conectividade funcional do cérebro é fundamental para o estudo de diversos transtornos neuropsiquiátricos e da função do corpo caloso. Neste projeto, nós propomos abordar esse problema medindo a associação entre a estrutura do grafo que representa a rede de conectividade funcional do cérebro e propriedades morfológicas do corpo caloso, como o seu volume. Em seguida, nós iremos aplicar o método proposto em dados de indivíduos diagnosticados com autismo, que é uma desordem complexa que apresenta muitos sintomas em comum com a agenesia do corpo caloso (condição congênita que resulta na ausência parcial ou total dessa estrutura). Um dos maiores desafios será lidar com a presença de diversas fontes de variabilidade na conectividade funcional do cérebro. Abordagens para atacar esse problema são essenciais para integrar teoria dos grafos e estatística e poderão contribuir para o estudo de diversos sistemas reais modelados por grafos. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
JARDIM, VINICIUS CARVALHO; SANTOS, SUZANA DE SIQUEIRA; FUJITA, ANDRE; BUCKERIDGE, MARCOS SILVEIRA. BioNetStat: A Tool for Biological Networks Differential Analysis. FRONTIERS IN GENETICS, v. 10, JUN 21 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.