Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito do ácido úrico sobre a capacidade microbicida de células dHL-60 e dTHP-1

Processo: 16/00176-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de abril de 2016
Vigência (Término): 31 de agosto de 2016
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Metabolismo e Bioenergética
Pesquisador responsável:Flavia Carla Meotti
Beneficiário:João Pedro Pereira Bonifacio Lopes
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:11/18106-4 - Oxidação do ácido úrico pela enzima mieloperoxidase em processos inflamatórios e as implicações sobre o sistema cardiovascular, AP.JP
Assunto(s):Pseudomonas aeruginosa   Ácido úrico

Resumo

No ambiente inflamatório o ácido úrico é oxidado ao hidropéroxido de urato e, desta forma, nós formulamos a hipótese de que este agente oxidante poderia exercer um efeito microbicida. Para testar esta hipótese, incubamos a bactéria gram-negativa, de caráter oportunista, Pseudomonas aeruginosa com células dHL-60 ou dTHP-1 diferenciadas em neutrófilos e macrófagos, na presença ou ausência de diferentes concentrações de ácido úrico. Diferentemente do esperado, o ácido úrico teve um efeito protetor sobre a bactéria, inibindo a capacidade microbicida das células supracitadas. Além disso, observamos também uma diminuição na secreção das citocinas IL-1² e TNF-± por estas células. Para entender por que o ácido úrico está diminuindo a capacidade microbicida destas células, buscamos algumas respostas na capacidade funcional das células, analisando sua viabilidade, capacidade fagocítica, produção de oxidantes como o ácido hipocloroso (HOCl) e ativação de vias de sinalização celular inflamatória. Os resultados obtidos até o momento mostraram que o ácido úrico não interfere na viabilidade das células e que aumenta a capacidade fagocítica das mesmas. Por outro lado, o ácido úrico inibe de forma bastante significativa a produção do HOCl. Os resultados obtidos até o momento nos levam a crer que a diminuição nos níveis de HOCl é a principal causa do efeito anti-microbicida do ácido úrico.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.