Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação das propriedades globais de barreira em sistemas de embalagens flexíveis assépticas do tipo for-fill-seal para alimentos de pH e 4,5

Processo: 15/24660-5
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 06 de junho de 2016
Vigência (Término): 05 de outubro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Ciência e Tecnologia de Alimentos - Tecnologia de Alimentos
Pesquisador responsável:Carlos Alberto Rodrigues Anjos
Beneficiário:Carlos Alberto Rodrigues Anjos
Anfitrião: Maria de Fatima Filipe Pocas
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia de Alimentos (FEA). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Local de pesquisa: Universidade Católica Portuguesa, Porto (UCP), Portugal  
Assunto(s):Engenharia de alimentos   Embalagens de alimentos

Resumo

Atualmente há uma grande incidência de defeitos de fechamento em embalagens laminadas flexíveis "formato caixa", existentes no mercado de alguns países e destinadas aos sistemas assépticos de produtos de pH e 4,5. A hermeticidade de embalagens flexíveis está relacionada diretamente com as áreas de fechamento, ou seja, áreas de termoselagem, responsáveis pela vedação e, em parte, pela estruturação e rigidez da embalagem, além da qualidade dos laminados flexíveis no que diz respeito a aderência dos materiais utilizados. Uma vez que os parâmetros de termoselagem sejam bem definidos e devidamente controlados pelos operadores dos equipamentos e manutenção, a hermeticidade da embalagem será alcançada automaticamente. Ainda, parte desse problema pode estar ocorrendo em função de defeitos no próprio material devido aos esforços mecânicos durante as operações de dobras, simultaneamente à termoselagem. Em função dessa ocorrência e pelo fato de as indústrias não utilizarem métodos de controle eficiente para identificar os problemas durante os processos de form-fill-seal das embalagens, este projeto pretende contribuir para um melhor entendimento do problema, bem como propor alternativa de baixo custo de uma metodologia para identificar os pontos de defeitos na embalagem que contribuem para a redução da estabilidade dos produtos acondicionados. Uma revisão de literatura foi realizada com o objetivo de verificar o atual estágio dessas tecnologias em relação à estabilidade de alimentos acondicionados através desse sistema de embalagem. Como resultado do trabalho, pretende-se verificar e confirmar uma metodologia de detecção e localização dos pontos de falhas e uma discussão a respeito das alternativas de solução industrial que possa envolver modificações na estrutura dos laminados flexíveis e parâmetros de equipamentos do tipo form-fill-seal. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)