Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de um Escore de Funcionalidade da Lipoproteína de Alta Densidade (HDL) e sua Associação com Algoritmos de Predição de Risco Cardiovascular e Desfechos Clínicos em Indivíduos Brasileiros

Processo: 15/06565-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de maio de 2016
Vigência (Término): 31 de março de 2019
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Nutrição - Bioquímica da Nutrição
Pesquisador responsável:Nágila Raquel Teixeira Damasceno
Beneficiário:Maria Camila Pruper de Freitas
Instituição-sede: Faculdade de Saúde Pública (FSP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Metabolismo dos lipídeos

Resumo

A redução na concentração plasmática de colesterol associado à lipoproteína de alta densidade (HDL-C) constitui um dos fatores de risco para o desenvolvimento de doença cardiovascular aterosclerótica. Entretanto, estudos demonstram que o uso de estatinas é eficaz no aumento da concentração de HDL-C, porém, não amplia sua eficácia na prevenção de eventos coronarianos. Nas últimas décadas, diversos pesquisadores estudam os parâmetros físico-químicos da lipoproteína de alta densidade (HDL) e relatam mecanismos cardioprotetores adicionais que parecem modular o risco cardiovascular, independente do conteúdo de colesterol associado à partícula. O objetivo deste estudo é desenvolver um escore de funcionalidade da HDL e avaliar a sua associação com algoritmos de predição de risco cardiovascular e desfechos clínicos em indivíduos brasileiros. Trata-se de um estudo transversal utilizando dados e resultados parciais de um estudo principal "Propriedades físico-químicas da LDL e da HDL, marcadores cardiometabólicos e oxidativos podem ser modulados pelo consumo de ômega-3, ômega-6 e ômega-9 em indivíduos com risco cardiovascular intermediário?", financiado pela FAPESP (Proc 2011/12523-2), Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia de Fluídos Completos (INCT-FCx 2010-2014) e do Núcleo de Apoio à Pesquisa de Fluídos Complexos (NAP-FCx 2011-2016). Para o desenvolvimento do escore de funcionalidade da HDL, o presente estudo propõe as seguintes análises: determinação da atividade da paraoxonase 1 (PON1), da fosfolipase A2 associada à lipoproteínas da (Lp-PLA2), da proteína de transferência de ésteres de colestrol (CETP) e da proteína de transferência de fosfolipídeos (PLTP) por meio de kits comerciais; avaliação da capacidade de transferência de lipídeos e da capacidade antioxidante da HDL (lag time) por métodos experimentais e determinação do conteúdo de antioxidantes lipossolúveis na HDL (±-tocoferol, ²-caroteno, licopeno e retinol) utilizando o sistema de cromatografia líquida de alta eficiência. Os resultados serão submetidos a tratamento estatístico para categorização e classificação da amostra, além de Modelos de Regressão Logística para verificar a associação do novo escore com os algoritmos de risco cardiovascular e com desfechos clínicos em uma amostra diferente. Os testes estatísticos serão realizados com o auxílio do programa Statistical Package for the Social Sciences® (SPSS), versão 20.0. O valor de significância considerado será de p< 0,05. As análises e métodos apresentados na presente proposta estão parcialmente inseridos no projeto INCT-FCx (CHAMADA PÚBLICA MCTI/CNPQ/CAPES/FAPESP Nº 16/2014 - PROGRAMA INCT, 2015-2020,), atualmente em análise no CNPq e FAPESP.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.