Busca avançada
Ano de início
Entree

Diversidade de girinos coletados em 14 unidades de conservação no estado de São Paulo

Processo: 16/07893-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2016
Vigência (Término): 31 de maio de 2017
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia - Ecologia Teórica
Pesquisador responsável:Fernando Rodrigues da Silva
Beneficiário:Michelle Robin Carneiro de Rezende
Instituição-sede: Centro de Ciências e Tecnologias para a Sustentabilidade (CCTS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). Sorocaba , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/50714-0 - Influência de processos ecológicos e evolutivos na estruturação de comunidades de anfíbios em diferentes escalas espaciais e temporais, AP.BTA.JP
Assunto(s):Ecologia de comunidades   Morfologia animal   Morfologia externa animal   Anura   Mata Atlântica   São Paulo

Resumo

Conhecer o número de espécies na Terra é uma das questões mais básicas e intrigantes na ciência. Infelizmente, 86% das espécies ainda são desconhecidas (i.e. Carência Linneana) e pouco se conhece sobre a distribuição geográfica das espécies já descritas (i.e. Carência Wallaceana). Visando diminuir estas lacunas, pesquisadores têm publicado listas descritivas sobre as espécies de anuros que ocorrem em determinadas regiões do país. Contudo, poucos estudos incluíram a descrição da fase larval. Uma das principais razões para esta discrepância é a dificuldade na identificação dos girinos, principalmente em comunidades tropicais que apresentam alta riqueza de espécies. Neste projeto nós pretendemos compilar uma lista contendo descrições da morfológica externa e estrutura oral para todas as espécies de girinos coletas em 14 unidades de conservação na Floresta Atlântica do estado de São Paulo. (AU)