Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo comparativo das alterações angiográficas entre pacientes com diabéticos e não-diabéticos e com isquemia crítica de membros

Processo: 15/15754-6
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de maio de 2016
Vigência (Término): 30 de abril de 2017
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Cirurgia
Pesquisador responsável:Winston Bonetti Yoshida
Beneficiário:Giovanni Ortale Trainotti
Instituição Sede: Faculdade de Medicina (FMB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Angiografia digital   Doenças vasculares periféricas   Diabetes mellitus   Aterosclerose   Isquemia   Procedimentos cirúrgicos vasculares   Dados demográficos   Regressão logística   Estudos retrospectivos   Estudo comparativo
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Angiografia digital | diabetes | Doenças Vasculares Periféricas | Cirurgia Vascular

Resumo

Contexto A DAOP acomete, principalmente, pacientes idosos com fatores de risco para aterosclerose. Os diabéticos possuem um risco aumentado em cerca de 5-15 vezes de desenvolver esta arteriopatia aterosclerótica em relação a não-diabéticos e as alterações arteriais são mais prevalentes nas artérias distais. Poucos estudos demarcaram a distribuição e gravidade das alterações arteriais dos diabéticos em comparação com não diabéticos e sua correlação com fatores de risco. Objetivos: Comparar as alterações arteriais periféricas mostradas em estudo angiográficos de pacientes diabéticos e não - diabéticos e com isquemia crítica de membros e comparar estas com os fatores de risco. Métodos: Será feito estudo retrospectivo transversal de pacientes submetidos a arteriografia de membros inferiores por isquemia crítica, comparando as alterações arteriais periféricas entre diabéticos e não-diabéticos, no período de 2009 a 2014. O tamanho da amostra foi calculado em 140 pacientes. Serão incluídas angiografias de boa qualidade e excluídas arteriografias de membros superiores, outras doenças, falta de informações no prontuário, restaurações vasculares prévias. Serão avaliadas as alterações por meio de escores angiográficos (TASC II e Bollinger). Além disso, dados demográficos e do perfil de risco aterosclerótico serão levantados para ambos grupos e comparados por meio de teste de qui quadrado, teste de Fisher, e regressão logística.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
GIOVANNI ORTALE TRAINOTTI; JAMIL VICTOR MARIÚBA; MATHEUS BERTANHA; MARCONE LIMA SOBREIRA; RICARDO DE ALVARENGA YOSHIDA; RODRIGO GIBIN JALDIN; PAULA ANGELELI BUENO DE CAMARGO; WINSTON BONETTI YOSHIDA. Comparação das alterações angiográficas entre pacientes diabéticos e não diabéticos com doença arterial periférica. Jornal Vascular Brasileiro, v. 22, . (15/15754-6)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.