Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito modulador da progesterona, Vitamina D e silibinina em monócitos de gestantes portadoras de pré-eclâmpsia

Processo: 15/26147-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de julho de 2016
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2019
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Saúde Materno-infantil
Pesquisador responsável:Maria Terezinha Serrão Peraçoli
Beneficiário:Mariana Leticia Matias
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FMB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Progesterona   Monócitos   Pré-eclâmpsia   Tocoginecologia   Vitamina D   Inflamassomos

Resumo

A pré-eclâmpsia (PE) é uma síndrome específica da gravidez, caracterizada por hipertensão arterial e proteinúria, identificadas após a 20a semana de gestação. Essa patologia está associada com hiperuricemia, valores séricos elevados de citocinas inflamatórias, ativação de leucócitos e estresse oxidativo. Cristais de ácido úrico (MSU) e hialurona (HA) podem ativar um complexo intracelular denominado inflamassoma, uma estrutura multi-proteica importante para o processamento e liberação das citocinas inflamatórias interleucina-1 beta (IL-1²) e IL-18. O desbalanço entre citocinas pró- e anti-inflamatórias na PE poderia ser dependente da deficiência de fatores reguladores capazes de modular essa resposta inflamatória como, por exemplo, a vitamina D e a progesterona, ou ainda esse desbalanço poderia ser melhorado através da administração de substâncias com propriedades anti-inflamatórias como a silibinina. O objetivo do trabalho é avaliar o efeito modulador da progesterona, vitamina D e silibinina sobre os inflamassomas NLRP1 e NLRP3 em monócitos de gestantes portadoras de PE e em linhagem celular de monócitos humanos THP-1. Monócitos obtidos do sangue periférico de 20 gestantes com PE e células THP-1 serão cultivados na presença ou ausência de MSU, HA, progesterona, vitamina D ou silibinina por diferentes períodos: a) por 30 min para determinação da fosforilação de NF-ºB e análise da expressão de TLR4, NF-ºB e IºB por meio da técnica de citometria de fluxo, b) por 4h para a expressão gênica de TLR4, MYD88, NFKB1, NLRP1, NLRP3, CASP1, IL1B, IL18, TNF e IL10 em estudo por RT-qPCR e c) por 18h para a determinação da concentração de citocinas por ELISA. Adicionalmente, o cultivo de células THP-1, estimuladas ou não com MSU, HA, progesterona, vitamina D e silibinina por 18h serão utilizadas para avaliação das proteínas NLRP1, NLRP3 e caspase-1 pela técnica de Western Blot. Os resultados serão analisados por meio de testes não-paramétricos com nível de significância de 5%.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MATIAS, MARIANA LETICIA; GOMES, VIRGINIA JULIANI; ROMAO-VEIGA, MARIANA; RIBEIRO, VANESSA ROCHA; NUNES, PRISCILA REZECK; ROMAGNOLI, GRAZIELA GORETE; PERACOLI, JOSE CARLOS; SERRAO PERACOLI, MARIA TEREZINHA. Silibinin Downregulates the NF-B Pathway and NLRP1/NLRP3 Inflammasomes in Monocytes from Pregnant Women with Preeclampsia. Molecules, v. 24, n. 8 APR 2 2019. Citações Web of Science: 0.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
MATIAS, Mariana Leticia. Efeito modulador da progesterona, vitamina D e silibinina sobre inflamassomas em monócitos de gestantes portadoras de pré-eclâmpsia. 2019. Tese de Doutorado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Faculdade de Medicina..

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.