Busca avançada
Ano de início
Entree

Nomeação automática rápida e consciência fonológica: efeito preditivo para aprendizado de leitura e relação com a dislexia do desenvolvimento

Processo: 15/22506-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 2016
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Psicologia - Fundamentos e Medidas da Psicologia
Pesquisador responsável:Elizeu Coutinho de Macedo
Beneficiário:Patrícia Botelho da Silva
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM). Instituto Presbiteriano Mackenzie. São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):16/21129-0 - Correlação entre nomeação automática rápida e vocabulário expressivo para o português brasileiro, BE.EP.DR
Assunto(s):Consciência fonológica   Aprendizagem   Neuropsicologia   Leitura

Resumo

Aprender a ler é um processo complexo e que demanda ensino formal e desenvolvimento de capacidades especificas. Algumas habilidades podem ser avaliadas antes mesmo do início do processo de alfabetização e tem se mostrado preditoras do aprendizado. A leitura competente envolve a decodificação, reconhecimento visual, fluência e compreensão. Dentre as habilidades preditoras destacam-se a nomeação rápida e a consciência fonológica. Estudos tem procurado analisar o efeito preditivo da nomeação automática rápida e da consciência fonológica no desenvolvimento da leitura. Assim, a nomeação automática rápida tem se correlacionado com a compreensão e a fluência de leitura. Já a consciência fonológica é uma medida que tem se correlaciona com a posterior habilidade de precisão na leitura e com a decodificação fonológica. Essas duas habilidades são descritas como componentes essenciais para o desenvolvimento da leitura eficaz e encontram-se prejudicadas na dislexia do desenvolvimento, sendo esses prejuízos explicados através da teoria do duplo déficit. Portanto, o objetivo do estudo 1 é estabelecer o efeito preditivo das habilidades de Nomeação Automática Rápida e Consciência fonológica em tarefas de leitura e escrita no português brasileiro através de estudo longitudinal; e comparar os desempenhos entre escolas públicas e particulares. Participaram 70 crianças de escolas públicas e particulares. O objetivo do estudo 2 será comparar o desempenho de crianças e adolescentes com e sem dislexia do desenvolvimento no Teste de Nomeação Automática rápida (NAR), na Prova de Consciência Fonológica e nos testes de leitura; e verificar o efeito preditivo de nomeação automática rápida e de consciência fonológica no desempenho em leitura e escrita dos participantes com dislexia. Participara do estudo 20 crianças e adolescentes disléxicos e 20 controles. Serão conduzidas correlações entre os testes aplicados, regressão e análise de variância a fim de estabelecer os perfis cognitivos e verificar o efeito preditivo das habilidades em leitura e escrita.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.