Busca avançada
Ano de início
Entree

A dramaturgia na Primeira República: as relações da função dramaturgo com o teatro na sociedade brasileira pós-monárquica (ou recém-republicana)

Processo: 16/05680-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de junho de 2016
Vigência (Término): 30 de novembro de 2018
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Artes - Teatro
Pesquisador responsável:Ferdinando Martins
Beneficiário:Phelippe Celestino Pereira dos Santos
Instituição-sede: Escola de Comunicações e Artes (ECA). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):17/10743-1 - Teatro, sociedade e modernismo: a função dramaturgo entre a França e o Brasil, BE.EP.MS
Assunto(s):Dramaturgia   História do teatro

Resumo

Este projeto busca expor os princípios de uma pesquisa com fins de análise e reflexão diante da produção teatral e principalmente dramatúrgica dos anos entre 1889 e 1930. Possui como foco a dramaturgia de escritores que através de tentativas estéticas e formais buscaram propor uma "renovação" diante da tradição teatral em voga: o teatro "ligeiro". Articula-se, para tanto, conceitos históricos, sociais e estéticos, observando assim a função dramaturgo em relação à sociedade e ao teatro.

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
SANTOS, Phelippe Celestino Pereira dos. Raízes do drama moderno brasileiro: o paradigma teatro-literatura e as primeiras rupturas. 2018. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Escola de Comunicações e Artes São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.