Busca avançada
Ano de início
Entree

Software CARTOMORPH: aprimoramento de profundidade de bits

Processo: 16/08046-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2016
Vigência (Término): 31 de agosto de 2017
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências
Pesquisador responsável:Erivaldo Antonio da Silva
Beneficiário:Rogério Ramos Rodrigues Do Carmo
Instituição-sede: Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Presidente Prudente. Presidente Prudente , SP, Brasil
Assunto(s):Processamento digital de imagens   Morfologia matemática   Imageamento de satélite   Desenvolvimento de software

Resumo

Existe na FCT UNESP de Presidente Prudente um grupo de pesquisa sobre morfologia matemática. A morfologia matemática (MM) é um conjunto de conceitos utilizados na área de Processamento de Imagens, sendo proposta a princípio por MATHERON (1975) e SERRA (1982). O grupo utiliza o software CARTOMOPH desenvolvido por CARDIM (2015) para processar as imagens obtidas principalmente através de satélites. O CARTOMORPH armazena e processa imagens com apenas 8 bits de precisão por camada de cor e por isso é capaz de representar 256 cores em cada uma. Com a ampliação dessa precisão para 16 bits por camada será possível representar 65536 cores (CAMBRIDGE IN COLOR) o que aumenta significativamente a quantidade de informações armazenadas e manipuladas, aprimorando a precisão das análises efetuadas pelo software. Com isso o presente projeto tem como objetivo principal alterar o CARTOMORPH para que esse trabalhe diretamente com imagens de 16 bits, sem precisar convertê-las para 8 bits, conforme ocorre atualmente. (AU)