Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo de alterações gênicas em amostras de sarcomas uterinos e carcinossarcomas uterinos: identificação de marcadores para diagnóstico diferencial e tratamento

Processo: 16/03163-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de julho de 2016
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2017
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Saúde Materno-infantil
Pesquisador responsável:Kátia Cândido Carvalho
Beneficiário:Leonardo Tomiatti da Costa
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Sequenciamento de nova geração   Imuno-histoquímica

Resumo

Sarcomas uterinos são tumores mesodérmicos raros que compreendem cerca de 3% de todos os cânceres nesse órgão. Apresentam diversidade histológica, comportamento agressivo, disseminação precoce e altas taxas mortalidade. Embora os carcinossarcomas (CS) tenham sido reclassificados recentemente como carcinomas, foram incluídos em nossa casuística para fins de comparação em seu componente mesenquimal. Devido à sua diversidade e raridade, não há consenso relacionado aos fatores de risco para pior prognóstico e tratamento adequados para os sarcomas do corpo do útero. Assim, informações sobre seus perfis gênico e protéico podem ajudar no diagnóstico e prognóstico desses tumores, bem como no entendimento de sua biologia e comportamento clínico. O objetivo desse projeto é verificar a presença de alterações em genes biologicamente relevantes nos diferentes tipos de sarcomas uterinos e nos CS, em busca de potenciais marcadores biológicos para cada uma dessas neoplasias. Adicionalmente, pretende-se avaliar o efeito dessas alterações na expressão dos produtos desses genes (proteínas). Para isso será utilizada a plataforma Ion Torrent para análise de painel (Ampliseq - Life Technologies), contendo 200 genes com participação relevante no processo de carcinogenese (supressores, oncogenes, entre outros). Serão utilizadas, no total, 100 amostras de sarcomas uterinos e CS (incluindo: 56 leiomiossarcomas, 15 sarcomas de estroma endometrial, 3 sarcomas indiferenciados, 2 adenossarcomas e 24 CS). Os tecidos foram cedidos pelo Hospital Santa Marcelina, Instituto Brasileiro de Combate ao Câncer (IBCC) e Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (ICESP), todos em São Paulo, Brasil. As validações serão realizadas por imunoistoquimica. Todos os dados serão submetidos a análise estatística.

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
COSTA, Leonardo Tomiatti da. Estudo de alterações gênicas em amostras de sarcomas e carcinossarcomas uterinos: identificação de mercadores para  diagnóstico diferencial e tratamento. 2018. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Medicina São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.