Busca avançada
Ano de início
Entree

Polêmica e inquisição: heresiologia e perseguição na Summa Adversus Catharos et Valdenses do dominicano Moneta de Cremona

Processo: 16/08496-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de julho de 2016
Vigência (Término): 27 de novembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Humanas - História - História Antiga e Medieval
Pesquisador responsável:Ana Paula Tavares Magalhães Tacconi
Beneficiário:Patrícia Antunes Serieiro Silva
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):18/12132-2 - HERESIOLOGIA e perseguição: a vindicta contra os hereges e a colaboração entre os dois gládios nos escritos anti-heréticos dos primeiros frades Pregadores de Bolonha, BE.EP.DR
Assunto(s):Inquisição   Perseguição

Resumo

O período que compreende o final do século XII e a primeira metade do século XIII foi marcado pela elaboração de instrumentos jurídicos contra as heresias. As decretais Ad abolendam (1184) e Vergentis in senium (1199) forneceram as bases para uma legislação anti-herética, endossadas nos decretos do IV Concílio de Latrão, em 1215. As disposições repressivas previam diversos castigos que iam desde a excomunhão à pena de morte. Com o envolvimento dos Frades Pregadores nas atividades inquisitoriais, a partir de 1233, a luta anti-herética ganhou um caráter regular e institucional. Uma das formas de combate estabelecidas pelos dominicanos contra as heresias foi a produção de textos visando a desqualificação das crenças heterodoxas. Este projeto propõe-se a estudar a concepção de perseguição dos hereges a partir das formas argumentativas, dos sistemas heresiológicos e dos procedimentos retóricos contidos no décimo terceiro capítulo do quinto livro da Summa Adversus Catharos et Valdenses, tratado anti-herético, composto entre os anos 1235-1244, por Moneta de Cremona, frade da Ordem dos Pregadores de Bolonha e, presumivelmente, inquisidor. De natureza polêmica, o tratado heresiológico, como o título indica, tem como objetivo refutar as crenças e as práticas religiosas dos dois principais grupos heréticos do século XIII: os "Cátaros" e os Valdenses, mas também mostrar a legitimidade bíblica da repressão contra os que corrompem a fé cristã.