Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos da fibrose cística na cavidade bucal de pacientes pediátricos

Processo: 15/23318-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de julho de 2016
Vigência (Término): 09 de abril de 2019
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Clínica Odontológica
Pesquisador responsável:Cristiane Yumi Koga Ito
Beneficiário:Laura Soares Souto Lepesqueur
Instituição-sede: Instituto de Ciência e Tecnologia (ICT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São José dos Campos. São José dos Campos , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):18/02725-6 - Efeitos da fibrose cística na cavidade bucal de pacientes pediátricos, BE.EP.DR
Assunto(s):Microbiologia aplicada   Cárie dentária   Streptococcus mutans   Saliva   Fibrose cística

Resumo

A Fibrose Cística (FC) é uma doença genética de elevada prevalência global e que causa função anormal das glândulas exócrinas. Em decorrência deste comprometimento, os pacientes apresentam manifestações clínicas diversas relacionadas a altas taxas de mortalidade e morbidade, notadamente as infecções crônicas de vias aéreas superiores e inferiores. As alterações nas funções das glândulas salivares podem levar a impactos bucais, porém estes são pouco conhecidos. Além da influência da saúde bucal sobre a condição de saúde geral, a boca pode representar um reservatório microbiano para as infecções crônicas pulmonares. Assim, o objetivo deste estudo é avaliar os impactos da FC sobre a microbiota, saliva e saúde bucal em pacientes pediátricos. Serão incluídas no estudo 100 crianças com idades de 6 a 12 anos divididas em 3 grupos: G1- 25 crianças diagnosticadas clinicamente com fibrose cística, mutação de CFTR comprovada e com escore de Shwachman-Kulczycki entre 100 e 71; G2- 25 crianças diagnosticadas clinicamente com fibrose cística, mutação de CFTR comprovada e com escore de Shswachman-Kulczycki abaixo de 40; e G3 (controle) - 50 crianças sem diagnóstico de FC, pareadas quanto ao gênero e idade às FC. Os pacientes com FC serão triados na Escola Paulista de Medicina (UNIFESP), enquanto os controles serão provenientes do ICT/UNESP. Os pacientes serão examinados para avaliação da presença de lesões bucais e cáries. O microbioma bucal destes pacientes será avaliado por Human Oral Microbe Identification using Next Generation Sequencing (HOMINGS) para screening e por metodologias de cultivo, buscando avaliar a microbiota potencialmente oportunista e cariogênica. Os impactos da FC sobre a saliva serão avaliados por análise do proteoma salivar e quantificação de imunoglobulinas salivares. Os dados obtidos serão analisados estatisticamente com auxílio do programa GraphPad Prism versão 6.0 (GraphPad Software Inc., San Diego, CA, USA). Será realizado um teste de normalidade da distribuição amostral para a aplicação da análise adequada para cada resultado com nível de significância de 5%.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SOUTO LEPESQUEUR, LAURA SOARES; TANAKA, MARCIA HIROMI; GOUVEA LIMA, GABRIELA DE MORAIS; CHIBA, SONIA MAYUMI; MOTA, ADOLFO JOSE; SANTOS, SAMARA FERREIRA; KOGA-ITO, CRISTIANE YUMI. Oral prevalence and antifungal susceptibility of Candida species in cystic fibrosis patients. ARCHIVES OF ORAL BIOLOGY, v. 116, AUG 2020. Citações Web of Science: 0.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
LEPESQUEUR, Laura Soares Souto. Efeitos da fibrose cística sobre o microbioma bucal e o proteoma salivar. 2019. 201 f. Tese de Doutorado - Universidade Estadual Paulista "Julio de Mesquita Filho" Instituto de Ciência e Tecnologia (Campus de São José dos Campos)..

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.