Busca avançada
Ano de início
Entree

Conflitos e convivência no espaço escolar: possíveis aproximações entre Brasil e Portugal

Processo: 16/07220-4
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 20 de setembro de 2016
Vigência (Término): 14 de outubro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Educação - Administração Educacional
Pesquisador responsável:Angela Maria Martins
Beneficiário:Angela Maria Martins
Anfitrião: Mariana Gaio Alves
Instituição-sede: Fundação Carlos Chagas (FCC). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa: Universidade Nova de Lisboa, Portugal  
Assunto(s):Política educacional   Administração escolar

Resumo

Este estudo tem como propósito identificar e analisar quais são as estratégias que escolas públicas - localizadas em regiões consideradas vulneráveis - utilizam em situações de conflito e como se organizam nas relações de convivência entre professores, direção e alunos para enfrentá-las. Em São Paulo, a pesquisa terá como foco escolas públicas da rede estadual paulista que aderiram ao Programa Sistema de Proteção Escolar (SPE); em Portugal, priorizará escolas localizadas em Territórios Educativos de Intervenção Prioritária (TEIPs). Especificamente, busca compreender de que forma diretores atribuem sentidos às situações de violência e conflito por eles vivenciadas no espaço escolar. Por meio de literatura levantada e analisada, identifica-se a centralidade que o tema vem logrando no cenário contemporâneo internacional e, sobretudo, no campo das políticas públicas de educação (SPOSITO, 2001; CHARLOT, 2002; ABRAMOVAY, RUA, 2002; DEBARBIEUX, BLAYA, 2002). Vale destacar também o papel da mídia internacional na divulgação dos fatos envolvendo adolescentes, jovens, professores, diretores e funcionários em situações de conflito, o que potencializa o sentimento coletivo de insegurança, medo e impotência para articular ações coerentes no enfrentamento dessas situações. Saliente-se que escolas situadas em regiões vulneráveis tendem a ter mais dificuldades de efetivarem estratégias para encontrar soluções aos inúmeros problemas que enfrentam. Nessa perspectiva, este estudo busca discutir elementos que se aproximam (e/ou que se distanciam) no processo de constituição de sentidos atribuídos por diretores a situações de conflito, no Brasil e em Portugal, com base em estudo exploratório.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)