Busca avançada
Ano de início
Entree

Desbaste de eucalipto em sistemas de integração lavoura-pecuária-floresta: efeito no microclima e produtividade

Processo: 16/14538-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de setembro de 2016
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Agrometeorologia
Pesquisador responsável:José Ricardo Macedo Pezzopane
Beneficiário:Willian Lucas Bonani
Instituição-sede: Pecuária Sudeste. Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA). Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Brasil). São Carlos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:16/02959-1 - Desbaste de eucalipto em sistemas de ILPF: efeito no microclima e produtividade, AP.R
Assunto(s):Milho   Radiação solar   Agrossilvicultura   Água do solo   Microclima   Desbaste   Eucalipto   Bromatologia   Silagem

Resumo

Mesmo com o aumento de implantação de áreas de integração lavoura-pecuária- floresta no Brasil, o conhecimento básico da interação que ocorre entre os elementos do sistema, visando subsidiar seu entendimento e atividades de manejo, ainda é escasso. A presente proposta tem por objetivo avaliar o microclima e a dinâmica de água no solo relacionados a características produtivas em sistemas arborizados sob o efeito do desbaste do componente arbóreo. O experimento será conduzido na Embrapa Pecuária Sudeste, em São Carlos, SP, em quatro sistemas de produção pecuária com pastagem Urochloa (sin. Brachiaria) brizantha cv. Piatã: sistema de pastejo rotacionado (ROT); sistema de pastejo rotacionado arborizado com eucalipto clonal GG100 (15x2m) (SSP); sistema agropastoril com renovação da pastagem com milho para silagem a cada três anos (ILP); e sistema agrossilvipastoril com renovação da pastagem com milho para silagem a cada três anos e arborizado com eucalipto clonal GG100 (15x2m) (ILPF). No momento do desbaste serão coletados dados para a determinação de equações alométricas de estimativa de produção de eucalipto nesses sistemas. Após o desbaste de 50% das árvores dos sistemas SSP e ILPF, o microclima e água disponível no solo serão estudados de maneira contínua nesses e nos sistemas sem a presença do componente arbóreo. Durante o período experimental serão avaliados a produção e qualidade bromatológica das pastagens e do milho para produção de silagem, além da produção animal. Nos dois sistemas que contem árvores de eucalipto, as amostragens serão feitas em transectos entre dois renques. Os resultados obtidos irão subsidiar ações de manejo nos sistemas integrados de produção pecuária. (AU)