Busca avançada
Ano de início
Entree

Investigando a nanobiointerface: avaliação quantitativa, dinâmica e estrutural da adsorção de proteínas plasmáticas sobre a superfície de micelas e vesículas poliméricas

Processo: 16/11431-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 01 de maio de 2017
Vigência (Término): 30 de abril de 2018
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Físico-química
Pesquisador responsável:Fernando Carlos Giacomelli
Beneficiário:Fernando Carlos Giacomelli
Anfitrião: Sébastien Lecommandoux
Instituição-sede: Centro de Ciências Naturais e Humanas (CCNH). Universidade Federal do ABC (UFABC). Ministério da Educação (Brasil). Santo André , SP, Brasil
Local de pesquisa : Laboratoire de Chimie des Polymères Organiques (LCPO), França  
Assunto(s):Coloides   Adsorção (química)   Micelas poliméricas   Proteínas sanguíneas

Resumo

O projeto proposto tem como objetivo central a verificação de efeitos de morfologia na adsorção de proteínas plasmáticas sobre a superfície de sistemas poliméricos nanoestruturados. A adsorção de proteínas sobre a superfície de nanopartículas fatalmente altera a internalização celular, biodistribuição e tráfico intracelular. O grupo de pesquisa brasileiro liderado pelo Dr. Fernando Carlos Giacomelli vem atuando nesta temática com publicações em revistas de prestígio relacionadas a interação de proteínas exclusivamente com sistemas micelares. Neste sentido, o estágio de pesquisa do exterior pretende agregar a experiência do pesquisador anfitrião (Dr. Sébastien Lecommandoux) com estruturas do tipo "polymersomes". O estágio pretendido buscará experiência físico-química com este tipo de morfologia para se avançar na fronteira do conhecimento em que pese às interações proteína-nanopartícula (formação de coroa proteica) e a sua relação com a morfologia de nanoestruturas. A primeira etapa prevê a fabricação de nanopartículas poliméricas produzidas a partir de copolímeros em bloco inéditos sintetizados pelo grupo de pesquisa (PHPMAm-b-PDPAn). Na sequência, a influência das características estruturais no processo de adsorção proteica será experimentalmente investigada. O foco principal da segunda etapa é tentar compreender os processos de adsorção de diferentes proteínas plasmáticas na superfície de diferentes nanoestruturas e a formação de complexos proteína-nanopartícula. As técnicas analíticas disponíveis possibilitarão investigar o fenômeno do ponto de vista quantitativo, dinâmico e estrutural. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.