Busca avançada
Ano de início
Entree

O papel da perda dò gene PTEN ná facilitação da resposta inflamatória N‚O câncer dè Prótata

Processo: 15/22785-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2016
Vigência (Término): 31 de março de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Humana e Médica
Pesquisador responsável:Jeremy Andrew Squire
Beneficiário:Thiago Vidotto
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):17/08614-9 - O Papel de PTEN na Resposta Inflamatória Mediada por STAT1 e STAT3 no Câncer de Próstata, BE.EP.DR
Assunto(s):Neoplasias da próstata   PTEN fosfo-hidrolase   Oncogenética   Resposta inflamatória

Resumo

O câncer de próstata (CaP) é o sexto tipo de câncer mais comum no mundo, sendo também o mais prevalente em homens (INCA, 2014). Nossos dados preliminares mostram que há um aumento da expressão de STAT1 e diminuição da expressão de STAT3 em células tumorais de CaP que apresentam deleções do gene PTEN. Uma vez que as proteínas STAT estão envolvidas na modulação da resposta imunológica, essa observação sugere que o microambiente tumoral no CaP pode ser influenciado pela perda do gene PTEN. Nossa hipótese é que a perda do gene PTEN no CaP induz o processo inflamatório no microambiente tumoral através da síntese de citocinas, que apresentam uma ação estimuladora pró-tumorigênica. Nessa pesquisa, inicialmente avaliaremos dados públicos de expressão gênica e Array-CGH a fim de investigar a modulação a nível de mRNA de genes cuja expressão é afetada pela perda do gene PTEN. Além disso, serão avaliados os níveis de fosforilação de STAT1 e STAT3 e a presença de células do sistema imune em 150 casos de CaP do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto. Através de análises preliminares de bioinformática, detectamos que STAT1 encontra-se também mais expresso em amostras de CaP que possuem uma ou duas perdas do gene PTEN. Também identificamos que genes associados a resposta imune e inflamatória, como CXCL10, CXCL11, CXCL14, CD20 e CD276, encontram-se mais expressos no tecido com deleções do gene PTEN. Além disso, foi identificado, através de imunohistoquímica, uma maior expressão de STAT1 total em amostras de CaP com deleções do gene PTEN. Esses resultados corroboram com a hipótese de que a perda do gene PTEN promove o desenvolvimento de um microambiente tumoral pró-inflamatório que favorece a progressão tumoral. Investigações detalhadas serão realizadas a fim de identificar o papel específico do gene PTEN na promoção da resposta imune e inflamatória no CaP.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
HARMON, STEPHANIE A.; PATEL, PALAK G.; SANFORD, THOMAS H.; CAVEN, ISABELLE; ISEMAN, RACHAEL; VIDOTTO, THIAGO; PICANCO, CLARISSA; SQUIRE, JEREMY A.; MASOUDI, SAMIRA; MEHRALIVAND, SHERIF; CHOYKE, PETER L.; BERMAN, DAVID M.; TURKBEY, BARIS; JAMASPISHVILI, TAMARA. High throughput assessment of biomarkers in tissue microarrays using artificial intelligence: PTEN loss as a proof-of-principle in multi-center prostate cancer cohorts. MODERN PATHOLOGY, SEP 2020. Citações Web of Science: 0.
VIDOTTO, THIAGO; MELO, CAMILA MORAIS; CASTELLI, ERICK; KOTI, MADHURI; DOS REIS, RODOLFO BORGES; SQUIRE, JEREMY A. Emerging role of PTEN loss in evasion of the immune response to tumours. BRITISH JOURNAL OF CANCER, v. 122, n. 12 APR 2020. Citações Web of Science: 1.
VIDOTTO, THIAGO; TIEZZI, DANIEL GUIMARAES; SQUIRE, JEREMY A. Distinct subtypes of genomic PTEN deletion size influence the landscape of aneuploidy and outcome in prostate cancer. MOLECULAR CYTOGENETICS, v. 11, JAN 3 2018. Citações Web of Science: 7.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.