Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudos de filogenia e filogeografia molecular de Chrestinae (Compositae, Vernonieae)

Processo: 16/12446-1
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 15 de setembro de 2016
Vigência (Término): 14 de setembro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Botânica - Taxonomia Vegetal
Pesquisador responsável:José Rubens Pirani
Beneficiário:Carolina Moriani Siniscalchi
Supervisor no Exterior: Jennifer Mandel
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : University of Memphis (U of M), Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:13/18189-2 - Sistemática e evolução de Chrestinae (Compositae, Vernonieae), BP.DR
Assunto(s):Asteraceae   Sistemática

Resumo

Desde os primeiros naturalistas, a abundante biodiversidade da Região Neotropical tem intrigado cientistas e motivado estudos de diversos tipos. Entender os processos evolutivos que levaram a biodiversidade atual pode ajudar na delimitação de entidades taxonômicas, e consequentemente guias esforços de conservação e sustentabilidade. Famílias vegetais grandes e com ampla distribuição fornecem questões interessantes em relação a processos evolutivos e sua associação a diversificação e biogegografia. Asteraceae é uma das maiores famílias de Angiospermas, com cerca de 2000 espécies encontradas no Brasil. Chrestinae é uma subtribo pequena e monogenérica de Vernonieae, quase endêmica do Brasil e é composta por 15 espécies distribuídas principalmente na Caatinga e Cerrado. Esta subtribo apresenta grande diversidade morfológica que motivou o atual projeto de doutorado, envolvendo o entendimento dos processos evolutivos que levaram a diversidade atual, através de uma filogenia bem resolvida, um estudo de populações e estudos de características morfológicas. No estágio proposto, o principal objetivo é realizar o trabalho molecular necessário para completar os estudos filogenéticos e filogeográficos e analisar os dados obtidos.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MANDEL, JENNIFER R.; DIKOW, REBECCA B.; SINISCALCHI, CAROLINA M.; THAPA, RAMHARI; WATSON, LINDA E.; FUNK, VICKI A. A fully resolved backbone phylogeny reveals numerous dispersals and explosive diversifications throughout the history of Asteraceae. PROCEEDINGS OF THE NATIONAL ACADEMY OF SCIENCES OF THE UNITED STATES OF AMERICA, v. 116, n. 28, p. 14083-14088, JUL 9 2019. Citações Web of Science: 0.
SINISCALCHI, CAROLINA M.; LOEUILLE, BENOIT; DE SIQUEIRA FILHO, JOSE ALVES; PIRANI, JOSE R. Chresta artemisiifolia (Vernonieae, Asteraceae), a new endangered species from a recently created protected area in the Brazilian Caatinga. PHYTOTAXA, v. 399, n. 2, p. 119-126, MAR 26 2019. Citações Web of Science: 0.
MANDEL, JENNIFER R.; BARKER, MICHAEL S.; BAYER, RANDALL J.; DIKOW, REBECCA B.; GAO, TIAN-GANG; JONES, KATY E.; KEELEY, STERLING; KILIAN, NORBERT; MA, HONG; SINISCALCHI, CAROLINA M.; SUSANNA, ALFONSO; THAPA, RAMHARI; WATSON, LINDA; FUNK, VICKI A. The Compositae Tree of Life in the age of phylogenomics. JOURNAL OF SYSTEMATICS AND EVOLUTION, v. 55, n. 4, SI, p. 405-410, JUL 2017. Citações Web of Science: 11.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.