Busca avançada
Ano de início
Entree

A relação entre os fatores e a ativação do complemento (C3, C4 e CH50) na apresentação do lúpus eritematoso sistêmico juvenil (LESJ) e o desfecho da nefrite

Processo: 16/09092-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2016
Vigência (Término): 31 de julho de 2017
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Anatomia Patológica e Patologia Clínica
Pesquisador responsável:Cláudia Saad Magalhães
Beneficiário:Danielle Faria Miguel
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FMB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Reumatologia   Nefrite lúpica   Lúpus eritematoso sistêmico   Biópsia   Regressão logística

Resumo

Objetivo: O Sistema Complemento está relacionado com sua fisiopatogenia e genética do lúpus, pois deficiências hereditárias no sistema complemento associam-se com a maior incidência familiar e idade de início mais precoce. A ativação e consumo de fatores do Complemento refletem-se em níveis séricos baixos de C3, C4 e CH50, sobretudo na nefrite e alterações hematológicas. O objetivo deste estudo é determinar a associação dos níveis séricos dos componentes C3, C4 e CH50 e a atividade do lúpus na apresentação, dano cumulativo e desfecho em crianças e adolescentes. Métodos: Análise secundária de uma coorte multicêntrica, descrevendo manifestações raras do lúpus, por meio de dados clínicos e laboratoriais em 846 sujeitos em 10 centros terciários de Reumatologia Pediátrica. Os parâmetros clínicos, laboratoriais relativos aos sistemas envolvidos, índice de atividade (SLEDAI-2K), índice de dano cumulativo (SLICC_SDI), função renal, fatores de complemento C3, C4, CH50 e a biópsia renal, naqueles que cursaram com acometimento renal (classificação da OMS). A análise estatística descritiva será feita com a média e desvio padrão para as variáveis contínuas e pela frequência e percentagem para as variáveis categóricas comparando casos com ou sem a glomerulonefrite durante o curso do lúpus. A análise de associação do desfecho da nefrite com as variáveis explanatórias será por meio de regressão logística para verificar a associação com o desfecho, obtendo-se os fatores de risco ou de proteção. Resultados esperados: Explorar a relação independente ou conjunta dos níveis séricos de C3, C4 e CH50 na apresentação com o desfecho nefrite lúpica, bem como o seu papel como biomarcador no lúpus pediátrico.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MIGUEL, DANIELE FARIA; TERRERI, MARIA TERESA; RODRIGUES PEREIRA, ROSA MARIA; BONFA, ELOISA; ALMEIDA SILVA, CLOVIS ARTUR; CORRENTE, JOSE EDUARDO; MAGALHAES, CLAUDIA SAAD; LUP, BRAZILIAN CHILDHOOD-ONSET SYST. Comparison of urinary parameters, biomarkers, and outcome of childhood systemic lupus erythematosus early onset-lupus nephritis. ADVANCES IN RHEUMATOLOGY, v. 60, n. 1 FEB 1 2020. Citações Web of Science: 0.
DANIELE FARIA MIGUEL; MARIA TERESA TERRERI; ROSA MARIA RODRIGUES PEREIRA; ELOISA BONFÁ; CLOVIS ARTUR ALMEIDA SILVA; JOSÉ EDUARDO CORRENTE; CLAUDIA SAAD MAGALHAES. Comparison of urinary parameters, biomarkers, and outcome of childhood systemic lupus erythematosus early onsetlupus nephritis. ADVANCES IN RHEUMATOLOGY, v. 60, p. -, 2020.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.