Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da excreção de Zika Vírus em soro, urina e saliva de pacientes pediátricos utilizando o método de PCR em tempo real

Processo: 16/11022-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2016
Vigência (Término): 31 de julho de 2017
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia - Microbiologia Aplicada
Pesquisador responsável:Edison Luiz Durigon
Beneficiário:Vanessa Barbosa da Silveira
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Urina   Reação em cadeia da polimerase em tempo real   Epidemiologia   Virologia

Resumo

O Zika vírus (ZIKV) é um arbovírus pertencente à família Flaviviridae, sua transmissão pode ser feita por diversas espécies do mosquito Aedes. O quadro clínico da infecção por ZIKV é parecido com o da Dengue e da Chikungunya, manifestando principalmente dores de cabeça, febre, mialgia, artralgia, hiperemia conjutival, exantema maculopapular. Ainda pouco se sabe sobre patologia, associação com outros agentes, biologia do vírus e da doença entre outros. Entretanto ainda não há um consenso sobre qual o melhor material biológico para a detecção do ZIKV em pacientes agudos. Nosso projeto tem como objetivo comparar três fluidos corpóreos (Soro, Swab Oral e Urina) de pacientes pediátricos com sintomas de doença exantemática indeterminada, com menos de 7 dias do inicio da doença (fase aguda) para determinar qual o material que possui a maior carga viral circulante nesta fase. A comparação será realizada por PCR em Tempo Real com primers e sonda previamente descrita por Lanciotti et al., 2007

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.