Busca avançada
Ano de início
Entree

CVT - Transmissão Continuamente Variável

Processo: 16/14258-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de agosto de 2016
Vigência (Término): 30 de novembro de 2016
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Mecânica - Projetos de Máquinas
Convênio/Acordo: FINEP - PIPE/PAPPE Subvenção
Pesquisador responsável:José Luis Bertazzoli
Beneficiário:Alessandro de Carvalho Lomônaco
Empresa:José Luís Bertazzoli - ME
Vinculado ao auxílio:12/51357-3 - CVT - Transmissão Continuamente Variável, AP.PIPE
Assunto(s):CVT   Geração distribuída   Controle de máquinas

Resumo

A bolsa TT-2 terá regime de dedicação exclusiva de 40 horas semanais. O candidato concluiu o curso de Técnico em Mecânica na cidade de Itajubá / MG. Receberá treinamento no Instituto Tecnológico de Aeronáutica Engenharia Mecânica / CTA - ITA - IEM e exercerá atividades de apoio à pesquisa no projeto, fabricação, montagem e testes de componentes de automação e componentes mecânicos do protótipo da CVT, bem como na programação da lógica de controle do processador e instalação do protótipo. Acompanhará os testes virtuais e de bancada do protótipo montado no dinâmômetro no ITA. Os treinamentos serão ministrados pelo Pesquisador Responsável, pelo coordenador da equipe do ITA, Professor Doutor Lindolfo Araújo Moreira Filho e pelo professor Ulysses Martins Rezende. As atividades do bolsista voltadas ao apoio do projeto de P&D, serão assim distribuídas ao longo da Fase II:- entendimento do funcionamento e concepção da CVT; - familiarização com os conceitos de automação aplicáveis ao projeto, tendo como objetivo principal especificar e avaliar o desempenho do conjunto servomotor, fuso esférico, guia linear e mancalização dos componentes da automação e análise do cumprimento dos requisitos do projeto; - estudo da linguagem de programação a ser empregada no desenvolvimento do sistema de controle e os aplicativos a serem utilizados para a gravação dos microprocessadores; - assimilação dos conhecimentos práticos essenciais sobre sensores, atuadores, dispositivos eletrônicos e equipamentos elétricos utilizados no sistema; - familiarização com as técnicas de medição dos sinais e com as normas de instalações elétricas referentes à proteção, à sinalização, ao comando de sistemas elétricos. Estudo das técnicas de proteção do gerador eólico e de sua conexão à rede elétrica; - participação nos testes operacionais, montagem de placas por parte do fornecedor das PCI e instalação do sistema elétrico; - acompanhamento da montagem do circuito final do controlador e do conjunto do sistema gerador e CVT; - realização de medidas e ajustes no controlador. - apoio ao projeto de diagramas esquemáticos do conjunto eletroeletrônico; - elaboração de testes de verificação e liberação do sistema. As atividades seguintes objetivam atender às necessidades da empresa nos projetos futuros, projetos estes destinados à produção de outras capacidades de CVT: - padronização das especificações de engenharia dos componentes do produto; - definição de um código de estoque para cada componente do produto; - detalhes típicos de projeto; - definição de um código de estoque para cada item de consumo; - preparação dos relatórios parcial e final. (AU)