Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo qualitativo e quantitativo dos metazoários parasitos de duas espécies de peixes Siluriformes coletados no rio Jacaré-Pepira, Estado de São Paulo, Brasil

Processo: 16/01587-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2016
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca - Recursos Pesqueiros de Águas Interiores
Pesquisador responsável:Rodney Kozlowiski de Azevedo
Beneficiário:Débora Caroline Negrelli
Instituição-sede: Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação. Universidade do Sagrado Coração (USC). Bauru , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):17/17085-0 - Estudo quantitativo dos metazoários parasitos de duas espécies de peixes Siluriformes coletados no rio Jacaré-Pepira, Estado de São Paulo, Brasil, BE.EP.MS
Assunto(s):Biodiversidade   Helmintologia   Parasitos

Resumo

Atualmente a biodiversidade dos ecossistemas aquáticos está sendo ameaçada devido à vasta degradação nos ambientes marinhos e dulcícolas. Sendo assim, alguns autores têm defendido o estudo das espécies de parasitos como parte fundamental desta biodiversidade por existir um déficit nos estudos sobre taxonomia, sistemática e biodiversidade parasitária no mundo. O Brasil possui diversos rios, sendo alguns deles muito longos e importantes. No entanto, nos ecossistemas dulcícolas uma grande biodiversidade de peixes pode ser encontrada: cerca de 4.035 espécies de peixes que representam aproximadamente 31% das espécies de peixes de água doce do mundo distribuídas da seguinte forma: 53% Siluriformes, 35% Characiformes, 4% Gymnotiformes, 5% Cyprinodontiformes e 3% Perciformes. Contudo, a região do rio Jacaré-Pepira apresenta uma diversidade de peixes ainda a ser explorada em estudos ictiológicos, e um dos grupos de peixes que estão presentes neste rio são os peixes Siluriformes. Estes são bastante diversos e de ampla distribuição, com grande complexidade taxonômica. Desta forma, o principal objetivo deste projeto será diagnosticar qualitativamente e quantitativamente as comunidades parasitárias dos metazoários parasitos de Rhamdia quelen e Pimelodus maculatus coletados no rio Jacaré-Pepira, Município de Ibitinga, para adquirir mais informações sobre a biodiversidade envolvida neste ambiente aquático do Estado de São Paulo.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.