Busca avançada
Ano de início
Entree

Concepção e desenvolvimento de nanocarregadores de fármacos base de hidróxidos duplos lamelares

Processo: 16/13862-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de outubro de 2016
Situação:Interrompido
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Inorgânica
Pesquisador responsável:Vera Regina Leopoldo Constantino
Beneficiário:Mariana Pires Figueiredo
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):18/22782-4 - Estudos farmacológicos de dispositivos cirúrgicos avançados baseados em compósitos formandos por hidróxidos duplos lamelares e polímeros, BE.EP.DD   18/22726-7 - Desenvolvimento de dispositivos cirúrgicos avançados baseados em compósitos formados por hidróxidos duplos lamelares e polímeros, BE.EP.DD
Assunto(s):Materiais lamelares   Hidróxidos duplos lamelares   Materiais híbridos   Materiais compósitos poliméricos   Naproxeno   Portadores de fármacos

Resumo

Os Hidróxidos Duplos Lamelares (HDLs) são materiais biocompatíveis de grande interesse para o desenvolvimento de carregadores de espécies de interesse farmacológico. Neste projeto serão empregadas duas abordagens sintéticas para promover o transporte de espécies bioativas através dos HDLs: a matriz inorgânica armazenará a espécie entre suas camadas bidimensionalmente organizadas (abordagem A) ou a matriz participará da composição do invólucro de cápsulas contendo a espécie de interesse em seu interior (abordagem B). No desenvolvimento da abordagem A, serão sintetizados novos HDLs de composição Mg2Fe1-xAlx e Zn2Fe1-xAlx (com x d 1) intercalados com ânions derivados do anti-inflamatório naproxeno e do ácido abiético. A substituição de íons alumínio por ferro, metal endógeno, objetiva melhorar a metabolização dos carregadores e diminuir possíveis efeitos tóxicos. A fim de modificar e/ou melhorar as propriedades e aplicabilidade desses sistemas, serão também obtidos compósitos, por casting ou eletrofiação, formados entre os materiais híbridos de HDL e polímeros orgânicos de uso farmacêutico como o poli(acrilato de metila). Pretende-se realizar estudos cinéticos de liberação/desintercalação das espécies ativas em meio biológico simulado e aplicar modelos de liberação. Na abordagem B, os HDLs serão utilizados na fabricação de coloidossomas, cápsulas obtidas pela auto-organização de partículas coloidais na interface de emulsões, de grande interesse no carregamento de espécies farmacêuticas. Estes sistemas serão preparados através da formação de emulsões de Pickering empregando HDLs modificados pela intercalação com carboximetilcelulose, por exemplo. Os materiais obtidos serão caracterizados através da análise química, análise termogravimétrica acoplada à espectrometria de massas, difratometria de raios X, espectroscopia vibracional no infravermelho e Raman, Ressonância Magnética Nuclear (RMN) no estado sólido, espectroscopia eletrônica, microscopias eletrônicas, Ressonância Paramagnética Eletrônica (EPR), medidas de tamanho médio de partículas e de potencial zeta, e microscopia óptica. Estudos in vivo para avaliar a biocompatibilidade e eficiência dos materiais serão realizados em colaboração com grupo da área médica. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
FIGUEIRECLO, MARIANA P.; CUNH, VANESSA R. R.; LEROUX, FABRICE; TAVIOT-GUEHO, CHRISTINE; NAKAMAE, MARTA N.; KANG, YE R.; SOUZA, RODRIGO B.; MARTINS, ANA MARIA C. R. P. F.; JUN KOH, IVAN HONG; CONSTANTINO, VERA R. L. Iron-Based Layered Double Hydroxide Implants: Potential Drug Delivery Carriers with Tissue Biointegration Promotion and Blood Microcirculation Preservation. ACS OMEGA, v. 3, n. 12, p. 18263-18274, DEC 2018. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.