Busca avançada
Ano de início
Entree

Genômica funcional do timo humano: detecção de comunidades em redes de coexpressão gênica e estudo do controle transcricional

Processo: 16/18280-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2016
Vigência (Término): 25 de abril de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Humana e Médica
Pesquisador responsável:Magda Maria Sales Carneiro-Sampaio
Beneficiário:Lucila Habib Bourguignon Oliveira
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:14/50489-9 - O timo humano: desenvolvimento e doenças, AP.TEM
Assunto(s):Análise de sequência com séries de oligonucleotídeos   Imuno-histoquímica   Timo   Genômica funcional

Resumo

O timo humano é um órgão linfóide primário que desempenha um papel crucial e único no desenvolvimento e maturação dos linfócitos T. Por ser um órgão muito dinâmico, sofre rápida alteração pelo tempo e estímulos exógenos e entram em um processo de involução, alterando a resposta imune dependentes dessas células. Neste projeto será conduzida uma investigação sobre a genômica funcional do timo humano (explantes cirúrgicos obtidos em cirurgia cardíaca) nos primeiros 30 meses de vida empregando-se metodologias de expressão gênica em larga escala (microarrays) e abordagens computacionais para identificação de comunidades de genes (análise de modularidade de repertórios transcricionais) em redes de coexpressão gênica. Esse estudo contempla uma série de indivíduos saudáveis, onde será estudada a variância dos perfis transcricionais em diferentes faixas etárias (grupos selecionados no intervalo de 0-30 meses). Como, possivelmente, as alterações dos perfis transcricionais e das redes de coexpressão gênica ao longo do tempo, envolvem mecanismos epigenéticos, será realizada adicionalmente, uma análise da expressão global de microRNAs. Os resultados obtidos serão validados por imunohistoquímica nas amostras de tecido tímico coletadas para os estudos genômicos. É importante ressaltar que a metodologia de detecção de comunidades em redes complexas está se afirmando como uma ferramenta essencial em estudos genômicos, com aplicações relevantes para a medicina baseada em redes (network medicine). A caracterização do timo em infantos saudáveis irá fornecer uma abordagem baseada em rede, bem como o entendimento dos mecanismos moleculares que controlam o timo durante os primeiros anos de vida, permitindo estudos comparativos com patologias associadas, como por exemplo cromossomopatias. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.