Busca avançada
Ano de início
Entree

DNA ambiental aplicado a estudos de monitoramento e conservação de anfíbios anuros na Mata Atlântica

Processo: 16/14054-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2016
Vigência (Término): 02 de dezembro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia
Pesquisador responsável:Célio Fernando Baptista Haddad
Beneficiário:Carla Martins Lopes
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/50741-7 - Diversidade e conservação dos anfíbios brasileiros, AP.BTA.TEM
Bolsa(s) vinculada(s):19/04849-7 - Metabarcode de DNA ambiental para detectar espécies de anfíbios desaparecidas ou em declínio no Sul da Mata Atlântica, BE.EP.PD   17/20204-0 - Desenvolvimento e teste de protocolos para metabarcode de DNA ambiental para o levantamento de anfíbios de serrapilheira na Mata Atlântica, BE.EP.PD
Assunto(s):Conservação biológica   Anura   Anfíbios   DNA   Serrapilheira   Bromelia   Mata Atlântica

Resumo

O Brasil apresenta a maior diversidade de anfíbios do mundo, com mais de 1000 espécies descritas. Aproximadamente metade destas é encontrada na Mata Atlântica, Bioma que apresenta menos de 16% da sua cobertura original. Os anfíbios são bastante sensíveis à degradação ambiental, enfrentando sérios problemas de declínios populacionais, extinções locais ou mesmo extinções de espécies. No Brasil, 40 espécies de anfíbios estão listadas como ameaçadas. Porém, muitas espécies ainda são pouco estudadas ou completamente desconhecidas e seu estado de conservação requer maiores investigações. A análise de vestígios de DNA em amostras ambientais permite descrever a diversidade de espécies no ambiente em um único experimento, sendo uma metodologia não invasiva, fornecendo resultados efetivos em um curto período de tempo e permite superar algumas dificuldades relacionadas a metodologias clássicas de monitoramento de espécies. Na Mata Atlântica, algumas espécies de anuros associadas à camada de serrapilheira ou a bromélias foram registradas apenas nas coletas que descrevem a série tipo ou em coletas ocasionais no passado, mas grande parte não se encontra classificada em nenhum nível de ameaça segundo a lista da IUCN, principalmente devido à falta de informações a respeito da Biologia e área de distribuição dessas espécies. Este projeto visa contribuir com o desenvolvimento da tecnologia de análise de amostras de DNA ambiental para procurar por espécies de anfíbios desaparecidas da Mata Atlântica que estão associadas à camada de serrapilheira e bromélias, colaborando com o conhecimento sobre a área de ocorrência e o estado de conservação dessas espécies. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SASSO, THAIS; LOPES, CARLA M.; VALENTINI, ALICE; DEJEAN, TONY; ZARNUDIO, KELLY R.; HADDAD, CELIO F. B.; MARTINS, MARCIO. Environmental DNA characterization of amphibian communities in the Brazilian Atlantic forest: Potential application for conservation of a rich and threatened fauna. Biological Conservation, v. 215, p. 225-232, NOV 2017. Citações Web of Science: 2.
LOPES, CARLA M.; SASSO, THAIS; VALENTINI, ALICE; DEJEAN, TONY; MARTINS, MARCIO; ZAMUDIO, KELLY R.; HADDAD, CELIO F. B. eDNA metabarcoding: a promising method for anuran surveys in highly diverse tropical forests. MOLECULAR ECOLOGY RESOURCES, v. 17, n. 5, p. 904-914, SEP 2017. Citações Web of Science: 15.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.