Busca avançada
Ano de início
Entree

Produtividade da soja e bases na solução do solo em função da correção da acidez do solo

Processo: 16/19182-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2016
Vigência (Término): 30 de novembro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Ciência do Solo
Pesquisador responsável:Ciro Antonio Rosolem
Beneficiário:Thais Do Nascimento Santiago Pereira
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agronômicas (FCA). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:15/50305-8 - A virtual joint centre to deliver enhanced nitrogen use efficiency via an integrated soil-plant systems approach for the UK & Brazil, AP.TEM
Assunto(s):Produção agrícola   Gesso   Macronutrientes   Micronutrientes   Calagem   Calcário   Soja   Nitrogênio

Resumo

A calagem é fundamental para correção da acidez do solo, proporcionando crescimento radicular adequado, à absorção exigida de nutrientes e assim obtenção de altas produtividades. No caso da soja a correção da acidez é ainda muito importante para uma eficiente fixação biológica do nitrogênio. A correção da acidez com calcário nem sempre resulta em neutralização do Al em profundidade, o que compromete o crescimento radicular, daí a importância de sua aplicação associada ao gesso agrícola. O objetivo central deste trabalho será avaliar a produtividade da soja em função da correção da acidez do solo utilizando calcário e gesso agrícola, assim como o efeito dos corretivos na solução e no perfil do solo, sob semeadura direta. A pesquisa será realizada em Botucatu, SP, tendo como cultura de verão a soja, nos anos agrícolas de 2016 a 2017. O solo da área experimental será amostrado nas camadas de 0-10, 10-20, 20-40, 40-60, 60-80 e 80-100 antes da aplicação dos tratamentos, e antes da semeadura da soja, no ano 2016 (novembro/dezembro) e 2017 (março/abril) para determinação do Ph, Al e bases trocáveis nas diferentes camadas e da fertilidade na solução do solo. O aporte e a persistência de palha sobre o solo será avaliado periodicamente, determinando-se a massa dos resíduos vegetais secos e os teores de nutrientes. No final do experimento será determinada a produtividade e o balanço de nutrientes absorvidos no sistema. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)