Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudos de labilidade / inércia na superfície de nanopartículas plasmônicas visando o desenvolvimento de sistemas para reconhecimento e transferência de informação molecular

Processo: 16/18354-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2016
Vigência (Término): 31 de outubro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Inorgânica
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Vitor de Moraes Zamarion
Beneficiário:Diego Holanda Pereira de Souza
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Química de coordenação

Resumo

Estudos envolvendo as nanociências são de fundamental importância, não apenas devido às diversas formas de aplicação que os nanomateriais resultantes desses estudos apresentam, mas também porque um conhecimento mais aprofundado sobre a química em superfície se faz absolutamente necessário ao descrever interfaces funcionais. A ideia da primeira parte do projeto está em estudar ligações metal-ligante sob o ponto de vista de nanopartículas plasmônicas ao verificar conceitos clássicos de labilidade/ inércia, bem como o caráter duro/mole desses ligantes, quando coordenados em nanopartículas. Os estudos de troca de ligante serão conduzidos por espectrometria de massas e SERS e essas análises serão realizadas com as nanopartículas de ouro imobilizadas sobre um filme de nanopartículas de óxidos previamente sintetizados para verificar se há influência nos estudos de troca de ligantes, dependendo da natureza dos óxidos empregados. Quanto aos ligantes, serão estudadas as moléculas 2,4,6-trimercapto-1,3,5-triazina e a 2,4,6-triamina-1,3,5-trazina, que possuem vários pontos de coordenação dependentes da concentração e pH, o que permitirá um maior entendimento sobre as propriedades termodinâmicas e cinéticas das ligações em superfície. Tendo esses experimentos otimizados, a segunda parte do projeto consiste em utilizar todo o conhecimento adquirido anteriormente para sintetizar nanopartículas plasmônicas na forma de fios/ bastões segmentados e imobilizá-los sobre os mesmos filmes de óxidos utilizados anteriormente para avaliar a influência do substrato na propagação de informações moleculares. Portanto, de forma geral, o projeto tem por intuito responder questões fundamentais a respeito de processos moleculares em superfície, ao descrever a interface metal-ligante por conceitos clássicos da química de coordenação. Com isso, pode-se avaliar a troca de ligantes indo além da ligação química convencional, pois ao se utilizar nanopartículas, há novas variáveis que devem ser consideradas como tamanho, forma, interações com a luz e substratos, que podem afetar diretamente o desenvolvimento de sensores e de dispositivos para reconhecimento/ transferência de informação molecular. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SOUZA, DIEGO H. P.; GUIMARAES, ROBSON R.; CORRERA, THIAGO C.; ZAMARION, VITOR M. Investigation of the photocatalytic activity of titanium dioxide films under visible light measured by electrospray mass spectrometry. NEW JOURNAL OF CHEMISTRY, v. 42, n. 22, p. 18259-18268, NOV 21 2018. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.