Busca avançada
Ano de início
Entree

Construção e validação de material educativo direcionado aos cuidadores informais de crianças com hidrocefalia

Processo: 16/17581-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2016
Vigência (Término): 30 de novembro de 2017
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Enfermagem - Enfermagem Médico-cirúrgica
Pesquisador responsável:Marla Andréia Garcia de Avila
Beneficiário:Paloma de Aro Jorge Tavares
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FMB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Cuidadores   Hidrocefalia   Enfermagem perioperatória   Educação em saúde

Resumo

Introdução: As crianças com hidrocefalia geralmente apresentam déficits neurológicos e requerem cuidados diários. Embora toda a família seja afetada, um de seus membros, geralmente a mãe, denominada cuidador familiar ou informal, assume a responsabilidade pelo cuidado, nem sempre com preparo técnico e emocional. Cabe aos profissionais de saúde a realização do processo educativo, tendo como foco o conhecimento, objetivando a promoção de saúde e a prevenção de complicações. Objetivo: Elaborar e validar um material educativo, digital, do tipo história em quadrinhos, direcionado aos cuidadores informais de crianças com hidrocefalia. Método: Trata-se de um estudo metodológico, que será realizado no ambulatório de neurocirurgia infantil de um hospital universitário. Serão inclusos os profissionais que atuem na instituição e atenda a pelo menos um dos critérios: Atuar na área de assistência Pediátrica ou neurologia; experiência na área de educação em saúde ou na construção ou avaliação de materiais educativos/didáticos. Serão inclusos também os cuidadores informais das crianças com hidrocefalia e que são acompanhadas no ambulatório neurocirurgia infantil. Serão seguidas as etapas: Sistematização do conteúdo, com base nas necessidades das crianças apontadas pelos cuidadores; Criação das ilustrações apoiada por especialistas; Composição do conteúdo, baseado em revisão da literatura científica e validação por peritos e cuidadores informais. Para realizar a validação será utilizado o Índice de validade de conteúdo. Para avaliar a relevância/representatividade, as respostas podem incluir: 1 (não representativo), 2 ( necessita de grande revisão para ser representativo), 3 (necessita de pequena revisão para ser representativo) e 4 (representativo). O escore do índice é calculado por meio da soma de concordância dos itens que foram marcados por "3" ou "4" pelos juízes. Para verificar a validade de novos instrumentos de uma forma geral, deve-se haver uma uma concordância mínima de 0,8027,38, que será utilizado no presente estudo. Espera-se que o material educativo seja um instrumento didático, simples e de livre acesso, a ser utilizado por cuidadores de crianças com hidrocefalia. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
TAVARES, PALOMA DE ARO J.; HAMAMOTO FILHO, PEDRO TADAO; FERREIRA, ANA SILVIA S. B. S.; AVILA, MARLA ANDRE G. Construction and Validation of Educational Material for Children with Hydrocephalus and Their Informal Caregivers. WORLD NEUROSURGERY, v. 114, p. 381-390, JUN 2018. Citações Web of Science: 2.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.