Busca avançada
Ano de início
Entree

Resiliência em adultos e idosos com doença renal crônica em hemodiálise: identificação de fatores associados

Processo: 16/09852-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2016
Vigência (Término): 31 de outubro de 2017
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Enfermagem
Pesquisador responsável:Fabiana de Souza Orlandi
Beneficiário:Izabel Cristina Chavez Gomes
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Resiliência psicológica   Insuficiência renal crônica   Diálise renal   Saúde do adulto   Saúde do idoso

Resumo

A Doença Renal Crônica (DRC) é considerada um grave problema de saúde pública, com prevalência e incidência crescente. Os tratamentos disponíveis na DRC substituem parcialmente a função renal, aliviando os sintomas da doença e preservando a vida do paciente. Atualmente, o mais utilizado é a hemodiálise, que consiste em um processo extracorpóreo de filtração e depuração do sangue de substâncias indesejáveis que necessitam ser eliminadas da corrente sanguínea. Diante do diagnóstico e do tratamento de uma doença incurável, indivíduos com DRC se vê limitado fisicamente e emocionalmente. Logo, este estudo tem como objetivo avaliar o nível de resiliência e identificar fatores associados de adultos e idosos renais crônicos em hemodiálise da Unidade de Terapia Renal Substitutiva do município de São Carlos, situado no interior do Estado de São Paulo. Trata-se de uma pesquisa correlacional, de corte transversal e abordagem quantitativa, que será aplicada individualmente em uma sala privativa do referido serviço, por meio dos seguintes instrumentos: Questionário de Caracterização dos Participantes, Escala de Resiliência, Cognitive Abilities Screening Instrument - Short Form, Questionário sobre a Saúde do Paciente, Escala de Satisfação com a Vida, Escala de Autoestima de Rosenberg, Escala de Esperança de Herth, Medical Outcomes Study, e Escala de Espiritualidade de Pinto e Pais-Ribeiro. O projeto será encaminhado ao Comitê de Ética em Pesquisa da UFSCar e será executado após a aprovação deste Comitê. (AU)