Busca avançada
Ano de início
Entree

Canibalismo intra-coorte em espécies nativas de peixes sul-americanos: mecanismos biológicos e implicações para a Aquicultura

Processo: 15/12210-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2016
Vigência (Término): 15 de março de 2019
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca - Aquicultura
Pesquisador responsável:Maria Célia Portella
Beneficiário:Flavio Furtado Ribeiro
Instituição-sede: Centro de Aquicultura (CAUNESP). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Assunto(s):Peixes de água doce   Pintado   Dourado   Canibalismo animal   América do Sul

Resumo

O canibalismo intra-coorte é um dos principais problemas para a produção em cativeiro de espécies piscívoras de peixes, podendo causar intensas perdas econômicas. De uma forma holística, o presente projeto visa descrever a ontogenia bem como prever a dinâmica e os riscos associados ao canibalismo através de estudos investigando as bases biológicas do evento em espécies piscívoras de peixes nativos sul-americanos e de interesse pela Aquicultura, como o Pintado Pseudoplatystoma corruscans e Dourado Salminus brasiliensis. Três estudos serão conduzidos investigando (1) a ontogenia e a limitação morfológica do canibalismo, (2) a seleção de tamanho de presas conspecíficas e (3) as vantagens de crescimento do canibalismo. No primeiro estudo, as duas espécies serão utilizadas como modelo objetivando a descrição da ontogenia bem como o desenvolvimento de modelos preditivos do canibalismo. Estes serão validados empiricamente por meio de experimentação, onde será testada a capacidade morfológica predatória dos canibais. A espécie que apresentar maior incidência canibalística será utilizada como espécie-alvo do presente projeto, onde, em um segundo estudo, será investigada a seleção de tamanho de presa pelos canibais, utilizando uma abordagem comportamental. Já no terceiro estudo, o desempenho zootécnico de canibais da espécie-alvo será comparado ao de conspecíficos alimentados com dieta inerte a fim de testar se o canibalismo promove vantagens de crescimento em relação a uma dieta alternativa, do ponto de vista da Aquicultura. Além de contribuir com importantes informações biológicas a respeito de piscívoria em peixes, os resultados aqui obtidos terão aplicação direta no desenvolvimento de protocolos de controle de canibalismo em cativeiro, contribuindo assim para o aperfeiçoamento tecnológico aquícola de espécies nativas de peixes. (AU)