Busca avançada
Ano de início
Entree

Jean-Luc Godard no Brasil: da recepção à interdição (1961-1970)

Processo: 16/19451-0
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2016
Vigência (Término): 30 de abril de 2018
Área do conhecimento:Ciências Humanas - História - História Moderna e Contemporânea
Acordo de Cooperação: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Francisco Cabral Alambert Junior
Beneficiário:Luiz Octavio Gracini Ancona
Instituição Sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):História cultural   História da cultura   Censura   Cinema   Linguagem cinematográfica
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:censura | cinema | História Cultural | Jean-Luc Godard | Recepção | História da cultura

Resumo

O realizador franco-suíço Jean-Luc Godard é um dos autores decisivos no contexto global de renovações na linguagem cinematográfica da segunda metade do Século XX. Sua obra teve grande impacto e repercussão, cultural e politicamente, no Brasil ao longo da década de 1960. Norteou os debates travados no interior da crítica de cinema nacional, constituiu uma das principais referências entre os grandes cineastas brasileiros do período, e foi também alvo de atenção especial entre os burocratas da Polícia Federal encarregados de ações censórias - duas de suas películas chegaram mesmo a serem interditadas durante a Ditadura Militar. Dessa forma, esta pesquisa investigará historicamente a recepção dos filmes e ideias de Jean-Luc Godard na cultura brasileira, de 1961 a 1970 - período de maior repercussão de sua obra no país. Para tal, utilizaremos um corpus de fontes primárias produzidas por diferentes comunidades de espectadores, e estruturaremos a elaboração da dissertação em três partes. Na parte inicial, analisaremos críticas de cinema produzidas sobre filmes de Godard e publicadas em três jornais de grande veiculação à época (Jornal do Brasil, Correio da Manhã e O Estado de S. Paulo); na segunda parte, identificaremos as apropriações que os cineastas Glauber Rocha e Rogério Sganzerla realizaram da obra godardiana em seus projetos estético-ideológicos; na terceira parte, analisaremos os pareceres de censura emitidos sobre os filmes do cineasta. Assim, objetiva-se a compreensão histórica de aspectos da cultura brasileira durante o período circunscrito a partir da recepção da obra de um artista estrangeiro. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
ANCONA, Luiz Octavio Gracini. Jean-Luc Godard no Brasil: da recepção à interdição (1961-1970). 2018. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH/SBD) São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.