Busca avançada
Ano de início
Entree

Revisão e análise cladística dos gêneros de Aphilodontinae Silvestri, 1909 (Chilopoda; Geophilomorpha)

Processo: 16/23977-8
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Mestrado
Vigência (Início): 29 de janeiro de 2017
Vigência (Término): 27 de fevereiro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Taxonomia dos Grupos Recentes
Pesquisador responsável:Antonio Domingos Brescovit
Beneficiário:Victor de Carvalho Calvanese
Supervisor no Exterior: Lucio Bonato
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : Università degli Studi di Padova, Itália  
Vinculado à bolsa:15/19675-3 - Revisão e análise cladística dos gêneros de Aphilodontidae Silvestri, 1909 (Chilopoda; Geophilomorpha), BP.MS
Assunto(s):Filogenia   Sistemática

Resumo

Geophilomorpha é a mais diversa dentre as cinco ordens de Chilopoda, contando mundialmente com 1250 espécies em 13 famílias e 215 gêneros existentes atualmente. Para a região neotropical são conhecidas cerca de 316 espécies, 91 gêneros e 11 famílias. A família Aphilodontidae tem distribuição na região sul do continente Sul americano e está restrita a África do Sul, contando hoje com quatro gêneros: Aphilodon com 14 espécies, sendo destas, quatro neotropicais e 10 africanas, Mecophilus e Mecistauchenus, endêmicos do Brasil e apresentando uma espécie cada e Philacroterium, com uma espécie válida para África do Sul. Neste projeto são abordadas a taxonomia e relações filogenéticas dos gêneros de Aphilodontidae através de estudo morfológico com base no material-tipo depositado coleções internacionais e ainda outros materiais não tipo encontrados nas principais coleções nacionais. A pesquisa está sendo conduzida majoritariamente no Laboratório Especial de Coleções Zoológicas (LECZ) e no Laboratório de Biologia Celular, ambos no Instituto Butantan, em São Paulo, onde o material descritivo e ilustrações são produzidos. 12 das 17 espécies válidas para Aphilodontidae já foram analisadas, provenientes de 3 coleções internacionais e 8 novas espécies estão sendo propostas para o Brasil, com base na observação de exemplares depositados em coleções brasileiras ou coletados em campo. Para o estudo filogenético estão sendo empregados 30 terminais e 53 caracteres, 45 testados pela primeira vez. A análise foi enraizada por Eucratonix meinert (Gonibregmatidae) e como grupo interno foram implementados todos os representantes de Aphilodontinae analisados (21 espécies, sendo 8 novas) já o grupo externo é composto por 6 representantes de Geophilinae, uma de Ribautinae e 3 de Dignatodontinae, todas subfamílias de Geophilidae. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CALVANESE, VICTOR C.; BRESCOVIT, ANTONIO D.; BONATO, LUCIO. Revision of the Neotropical species of Aphilodontinae (Geophilomorpha, Geophilidae), with eight new species and a first phylogenetic analysis of the subfamily. Zootaxa, v. 4698, n. 1, p. 1-72, NOV 15 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.