Busca avançada
Ano de início
Entree

Experiência estética como horizonte de reconhecimento: autonomia e emancipação a partir da reflexão sobre o destino da forma estética na Era Moderna

Processo: 16/22091-6
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 08 de janeiro de 2017
Vigência (Término): 07 de março de 2017
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Filosofia
Pesquisador responsável:Vladimir Pinheiro Safatle
Beneficiário:Vladimir Pinheiro Safatle
Anfitrião: Judith P Butler
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : University of California, Berkeley (UC Berkeley), Estados Unidos  
Assunto(s):Emancipação   Estética (filosofia)   Reconhecimento

Resumo

Trata-se de discutir como a reflexão sobre a constituição da experiência estética moderna pode fornecer aos processos de reconhecimento uma reconfiguração significativa de seus conceitos reguladores de autonomia e emancipação, o que traz consequências necessárias para a configuração da noção de sujeito a ser reconhecido. Isto significa insistir que as consequências da escolha, atualmente hegemônica, em submeter as dinâmicas de reconhecimento social a um horizonte linguístico fundamentado em paradigmas comunicacionais, podem ser revistas a partir de uma análise mais cuidadosa acerca das potencialidades imanentes a uma outro horizonte linguístico, significativamente distinto do paradigma comunicacional, a saber, este próprio à experiência estética que se constitui progressivamente a partir do começo do século XIX a fim de chegar ao século XX de maneira hegemônica. (AU)